sexta-feira, outubro 30, 2009

Copa Renault Clio: Disputa continua totalmente aberta, afirma Rolf


Cinco pilotos brigam pelo título da Copa Clio em 2009: José Vitte, Edson do Valle, Rodolfo Pousa, Rolf Gemperli e Wagner Cardoso
A temporada da Copa Clio chega à penúltima etapa neste domingo (1), em Curitiba (PR), com larga vantagem para o líder, o paulista José Vitte. Com uma combinação de resultados neste fim de semana, ele pode até ser campeão antecipado de 2009. O que não deve acontecer se depender da disposição dos outros quatro concorrentes ao título: o goiano Edson do Valle e os paulistas Rodolfo Pousa, Rolf Gemperli e Wagner Cardoso.
Os cinco pilotos estão separados por 37 pontos. "Ainda há 54 pontos em jogo. A situação dele com certeza é mais confortável, mas é possível alcançá-lo. Tem muita gente falando sobre a possibilidade do campeonato terminar matematicamente neste fim de semana, mas eu acho que não se pode descartar as chances de nenhum dos cinco", comenta Rolf Gemperli, que venceu duas provas neste ano, contra três de José Vitte.
"Numa categoria competitiva como essa, tudo pode acontecer. Alguém pode encaixar um bom fim de semana, enfrentar uma quebra, não tem nada decidido", analisa o piloto, companheiro de equipe do líder do campeonato na W Racing. Rolf Gemperli, quarto na tabela de classificação, soma 82 pontos. José Vitte tem 109. "Apesar de termos um ótimo relacionamento e trabalharmos juntos pelo time, é tudo muito bem separado na equipe".
Na opinião de Rolf Gemperli, o que reforça suas chances são as duas pistas que encerram o campeonato de 2009. "Curitiba é um traçado que nosso preparador (José Cordova) domina. Depois, vamos para Interlagos, onde eu ganhei duas das três corridas realizadas neste ano", destaca Rolf Gemperli, que destaca a curva que antecede a longa reta dos boxes como o ponto crucial para ganhar tempo em Curitiba.
Classificação dos 10 primeiros do campeonato:
1 José Vitte (SP), 109 pontos
2 Edson do Valle (GO), 93
3 Rodolfo Pousa (SP), 86
4 Rolf Gemperli (SP), 82
5 Wagner Cardoso (SP), 72
6 Carlos Rocha (DF), 28
7 Cesare Marrucci (SP), 20
8 Ulisses Silva (RJ), 19
9 Luciano Kubrusly (SP), 17
10 Ydenis de Souza (SP), 16

Fonte: Coparenaultclio.com.br

Com cronograma alterado, Campeonato Paulista de Kart terá 8ª e 9ª etapas


Passada a euforia do Grande Prêmio Brasil de F-1 e toda a movimentação extra criada na região de Interlagos, Zona Sul de São Paulo, o Kartódromo Ayrton Senna voltará a receber neste final de semana uma rodada do Campeonato Paulista de Kart.

Exatamente em virtude do fechamento da pista para os preparativos da F-1, a oitava etapa da competição teve sua data alterada e, conforme anunciado, será disputada junto à nona etapa neste sábado, dia 31 de outubro. Porém, diferente do que acontece nas rodadas duplas, ambas as corridas serão completamente independentes tendo, inclusive, duas tomadas de tempo.

Assim como vinha acontecendo nas etapas anteriores, o cronograma deste sábado prevê a disputa para as classes Mirim, Cadetes, Júnior Menor, Júnior e terá também de volta as provas dos karts com motores Biland.

Os treinos livres oficiais tiveram início nesta quinta-feira, dia 29, com duas sessões para cada uma das categorias. O mesmo esquema será repetido na sexta-feira, dia 30. No sábado, dia das provas, a programação começa as sete e meia da manhã com a entrega dos motores de Mirins e Cadete que será seguida pelas tomadas de tempo. As corridas da oitava etapa serão disputadas a partir das 10h15. As provas da nona etapa, após suas sessões classificatórias, terão início às 14h45.

Infelizmente o cronograma da SPTuris, mantenedora do autódromo/kartódromo de Interlagos, nos impediu de realizarmos da forma como prevista a oitava etapa do Paulista. Por outro lado, esta mudança nos proporcionou realizarmos neste sábado uma prova diferente onde temos a certeza que pilotos e equipes poderão desenvolver o melhor de seu trabalho em duas corridas de muita competitividade”, explicou Cleacyr Scaglione, presidente do Departamento de Kart da Federação Paulista de Automobilismo – DK/FASP.

Fonte: Quick Comunicação e Marketing
Foto: Flávio Quick

Interpretação de comissários interrompe prova de João Archer


A participação do piloto mineiro João Pedro Archer (SF Engrenagens / Tokyo Tratores), na 8ª etapa da Copa São Paulo Light, disputada no último sábado, dia 24, não foi como ele esperava. Treinando desde a quinta-feira anterior à prova, sua expectativa por um bom resultado era grande.
No dia da corrida ele e sua equipe, a Alan Motorsport, conseguiram um bom acerto em seu equipamento. Assim, na tomada de tempos Archer ficou com a quarta posição a setenta milésimos da marca da pole position. Sua classificação só não foi melhor por que pegou tráfego na pista na volta do pneu.
Autorizada a largada bastaram apenas três voltas para o mineiro estar entre os três primeiros. A partir de então o que parecia ser uma acirrada disputa se transformou em um desagradável desfecho para Archer. Numa das curvas mais acentuadas do circuito, ele se viu numa situação inesperada. Jogado na parte suja da pista por um concorrente que fazia uma ultrapassagem, ele tocou a roda traseira de um outro kart. Sem ter a intenção de prejudicar ninguém esta situação foi interpretada pelos comissários da prova como anti-desportiva. Com 16 voltas completadas encerrou-se assim sua participação na etapa.
Estou muito triste com o que aconteceu, mas, por outro lado, feliz por saber que poderia ter ganho a corrida. Depois de tanto tempo sem competir só pensava em recuperar o tempo perdido e poder me manter entre os primeiros. Meu braço não doeu em momento algum e isso mostra que a minha recuperação foi ótima e que estou pronto novamente para dar continuidade à minha carreira”, analisou o piloto de 13 anos.
Archer agora é piloto oficial THUNDER
Mas, nem tudo foi em vão nesta etapa. A partir deste ano um novo equipamento estreou no kart. A fábrica de chassis THUNDER buscou durante este primeiro ano pilotos de destaque em algumas categorias. O objetivo é estabelecer uma parceria no desenvolvimento do equipamento. Como desde o início da temporada João Pedro Archer vem se destacando na Júnior Menor, ele foi o escolhido. A partir desta etapa do Light Archer passou a integrar o time da THUNDER como piloto oficial de fábrica.
Ficamos muito contentes com o reconhecimento da THUNDER na evolução do João Pedro durante o ano. A categoria é muito competitiva e a cada prova ele aprende mais um pouco. Percebemos que o chassis se mostrou rápido e com o retorno do João a perspectiva é que ele fique ainda melhor”, comentou Pedro Archer, pai do piloto.
Fonte: Quick Comunicação e Marketing
Foto: Fabiola Cadar

quinta-feira, outubro 29, 2009

F1: confira a programação do GP de Abu Dhabi

No próximo domingo (01) acontece o Grande Prêmio de Abu Dhabi de F1, última etapa da temporada 2009 da categoria, que já definiu seu campeão do ano, o piloto Jenson Button, da equipe Brawn GP, que faturou o mundial de construtores 2009.

A etapa, no entanto, é decisiva para Rubens Barrichello, que luta pelo vice-campeonato da temporada, posição ocupada por Sebastian Vettel, piloto da Red Bull Racing. A prova contará também com a presença de Kamui Kobayashi, que fez uma boa estreia na categoria no GP do Brasil, a bordo da Toyota, substituindo ao piloto Timo Glock, que ainda se recupera das lesões sofridas nos treinos para o GP do Japão.

Confira a programação do GP de Abu Dhabi:
Sexta-feira (30)
7h - 1º Treino Livre
11 - 2º Treino Livre

Sábado (31)
8h - 3º Treino Livre
11h - Treino Classificatório

Domingo (01)
11h - Corrida, com um total de 55 voltas.

Pietro Fantin passa a treinar com Shifter visando Granja Viana e Fórmula 3 em 2010


Destaque do kartismo na atual temporada, quando foi um dos principais nomes do Pan-Americano, do Campeonato Brasileiro e da Copa Brasil, o paranaense Pietro Fantin (Silea Participações) iniciou esta semana uma nova fase no esporte.

Após sua participação na final da Seletiva Petrobras – sua primeira – Pietro Fantin passou a dedicar-se aos treinos com um Shifter Kart. O objetivo é preparar-se para competir na Copa São Paulo Granja Viana na próxima temporada e o evento é o único no país que tem corridas da categoria.

Outro objetivo é também já adaptar-se às trocas de marcha, uma vez que em 2010 ele terá intensa agenda de treinos na Fórmula 3, tanto no Brasil quanto na Europa. “Minha prioridade em 2010 serão os treinos com um Fórmula 3. Já tive meus primeiros contatos com um carro da categoria na Inglaterra e para 2010 estão sendo agendados treinos para todo o ano. Quero me preparar bem para passar a competir na categoria em 2011”, explica Fantin, campeão da Copa Brasil e Sul-Brasileiro em 2008.

Texto: Kart Gaúcho Assessoria de Comunicação – Erno Drehmer
Foto: Luiz Fernando Correa

Copa Santa Catarina de Automobilismo: Ascurra sedia 4ª etapa neste fim de semana


Tudo pronto para a 4ª etapa da Copa Santa Catarina de Automobilismo, que acontece em Ascurra nos dias 31/10 e 1° de novembro, no Autódromo Max Mohr. Os melhores pilotos de Santa Catarina e do Paraná disputarão a etapa nas categorias Stock Car Omega e Opala; Marcas A, B e Novatos; Gaiolas AP; Mini Fórmula Tubular A e B (kart cross) e Fusca Velocidade.

No sábado a pista estará aberta para os treinos livres a partir das 10 horas. Serão dois treinos por categoria e depois o treino classificatório definindo as posições no grid de largada. No domingo haverá um treino de aquecimento a partir das 9h e depois as baterias, duas por categoria. Ao todo serão realizadas 12 provas com muita emoção e velocidade.

O evento terá várias outras atrações. Haverá sorteio de pessoas do público para andarem de carona em carros de corrida nos intervalos das provas; show com a equipe Pistões Nervosos fazendo manobras, além de tenda eletrônica.

O Autódromo conta com estacionamento gratuito, praça de alimentação e área de camping. O ingresso custa R$ 10,00 e é válido para sábado com retorno no domingo.

Texto e Foto: CronoSpeed Assessoria de Imprensa

500 Milhas de Kart Amador: Mais três novos apoiadores para os “Velozes do Kart”

Com a proximidade da realização das 500 milhas de kart amador no próximo domingo, dia primeiro de novembro, os Velozes do Kart (RepeLub, Binc Contabilidade, Auto Qualy e LHP Empilhadeiras) estão na fase final dos preparativos. A prova será realizada no Kartódromo Granja Viana em São Paulo, mesmo local em que acontecerá no mês seguinte a tradicional competição profissional que leva o mesmo nome.

A participação nesta prova é sonho acalentado pelos apaixonados pelo esporte há bastante tempo. Os participantes desta modalidade em todo o país sempre aguardaram uma oportunidade como esta. A realização de uma prova oficial reunindo os melhores pilotos de todo o país. A estrutura disponibilizada aos participantes será semelhante à das competições oficiais. Assim os pilotos amadores poderão se sentir as emoções e a adrenalina de estarem em um ambiente altamente competitivo.

Os Velozes do Kart também estão se preparando psicologicamente para enfrentarem a concorrência. Como a corrida será de longa duração, onde os pilotos terão de percorrer 500 milhas ou o equivalente a 644 voltas ou 12 horas de prova, muitas situações podem ocorrer. Assim, é essencial uma análise profunda de todos os fatores inerentes à disputa.

Mas os Velozes do kart estão bem orientados. Como uma das equipes mais bem estruturadas do país, eles contam com a orientação de seu experiente chefe de equipe Álvaro Andrade. Com inúmeras provas em seu currículo, Álvaro vem traçando a estratégia da equipe e agora conta mais um importante reforço. Além do patrocínio da Repelub, agora os Velozes do Kart contam também com o apoio da Binc Contabilidade, Auto Qualy Novos e Seminovos e da LHP Empilhadeiras. A exemplo da Repelub os novos apoiadores acreditam no potencial da equipe e agora também fazem parte deste novo capítulo do esporte amador.

Estamos muito contentes com os novos apoiadores. Para nós que batalhamos durante muito tempo no kart, receber o reconhecimento por parte deles é gratificante. Nosso trabalho sempre foi pautado na dedicação, respeito e amor ao esporte. Esperamos que assim como eles muitas outras empresas vejam no kart a importância do desenvolvimento de um atleta. Como categoria de base do automobilismo o apoio dos patrocinadores é fundamental no desenvolvimento de novos talentos”, analisou o chefe da equipe Velozes do Kart, Álvaro Andrade.

Texto: Quick Comunicação e Marketing

quarta-feira, outubro 28, 2009

Campeão Sul-Americano dá show no Light


Tudo indicava que seria um final de semana daqueles para se esquecer. Mas não foi bem assim. O piloto Yurik Carvalho (Techspeed/Splash Bar/Camargo Racing), da categoria Cadete, disputou no último sábado, dia 24, a oitava etapa da Copa São Paulo Light.

Yurik foi para a pista ainda na quinta-feira, 22, quando deu início à sua preparação para a corrida que seria disputada na manhã de sábado. Desde então ele fez quatro treinos livres onde desde a preparação do kart à assimilação ao traçado da etapa tiveram grande importância na dedicação do piloto e do time comandado por Evandro Camargo. A preocupação da equipe começou nos treinos livres quando o eixo do kart de Yurik se deslocou. Rapidamente sanado este problema o piloto partiu para a tomada de tempos mas nem chegou a completar a primeira volta. Desta vez o problema foi na bomba de combustível o que o impediu de voltar à pista. Mais uma vez Yurik foi para os boxes esperar pela resolução do problema e largar da última posição.

Com um grid de 17 pilotos em sua classe, Carvalho não se deu por vencido e focou em sua recuperação. Dois pilotos brigavam pela ponta enquanto Yurik, pouco a pouco, se desvencilhava de seus concorrentes. Antes da metade da prova ele já integrava o pelotão que disputava as primeiras posições. Nem mesmo a distância aberta pelos dois lideres foi empecilho para ele. Faltando apenas duas voltas para o fim, Carvalho conseguiu a ultrapassagem sobre eles e soube segurar os ataques que passou a sofrer. Bastante pressionado por Victor Baptista, os dois andavam no mesmo ritmo e, por um bico de diferença, a vitória ficou com Yurik.

Com os problemas que nós tivemos antes da prova eu fiquei bastante chateado. Mas depois que eu larguei só queria a vitória. Fui ultrapassando todo mundo até alcançar os dois primeiros. Como a prova estava acabando eu acelerei e consegui assumir a ponta. Foi difícil segurar a pressão do segundo mas eu consegui!!”, finalizou o representante da Techspeed/Splash Bar/Camargo Racing que levou um banho de champagne e no pódio.

A partir desta quarta-feira, dia 28, Yurik dará início a uma nova fase em sua carreira. Ele começará a treinar com o novo equipamento, com o qual ele disputará as competições da próxima temporada. Para 2010 ele passará a competir na categoria Júnior Menor e, para isso, continuará apostando nos vitoriosos chassis Techspeed, que, para esta classe, estarão equipados com motores Riomar MRA-1, de 125cc.

Fonte: Quick Comunicação e Marketing
Foto: Fabiola Cadar

Targh 400 disputou a 4ª etapa da Copa Parilla sob intensa chuva no Velopark


Sempre disposta a participar das principais competições de kart, a equipe gaúcha Targh 400 esteve mais uma vez nas pistas, desta vez no Kartódromo do Velopark, em Nova Santa Rita (RS), onde disputou a 4ª etapa da Copa Parilla.

Competindo com os irmãos Pedro e Roberto Gomes, donos da equipe, a Targh 400 enfrentou – assim como os demais pilotos – um sábado de muita chuva, o que dificultou a disputa das três corridas que faziam parte da programação.

O sábado foi mesmo bastante complicado, para todos os pilotos. Tivemos momentos de muita chuva nas corridas, mas ficamos bastante contentes por termos feito parte mais uma vez de uma categoria muito unida e que tem tudo para ser ainda melhor em 2010”, elogia Roberto Gomes (GH Digital/ Ferramental Cotia/ MG Pneus/ Floricultura Verdes e Cores/ Techspeed).

Para Pedro Gomes, irmão de Roberto, a categoria tem se mostrado bastante equilibrada e isso se deve ao desempenho dos motores, de rendimento extremamente parecido entre todos. “É um formato interessante este da Copa Parilla. Cada piloto é dono de seu motor e todos os motores são sorteados no dia da corrida. Gosto do sistema e isto, além da boa organização, tem nos atraído cada vez mais”, diz Pedro Gomes (GH Digital/ Ferramental Cotia/ MGPneus/ Floricultura Verdes e Cores/ Mini).

Texto: Kart Gaúcho Assessoria de Comunicação – Erno Drehmer
Foto: Erno Drehmer

Sexta etapa da Pick-up Racing tem corrida maluca


Acidentes marcaram a corrida de Curitiba, que teve que ser encerrada após a entrada do Safety Car, e com Julio Campos conquistando título por antecipação

Foi uma verdadeira batalha a sexta etapa da Pick-up Racing, em Curitiba, neste domingo, onde muitos carros não conseguiram chegar ao final da prova, que teve que ser encerrada antes da hora, após a entrada do Safety Car. Mesmo assim, o trio da Max Power Racing, composto por Wanderson Freitas (12º), Marlon Watanabe (9º) e Márcio Sarot (14º), conseguiu cruzar a linha de chegada e conquistar pontos.

O saldo foi positivo até demais, a batalha maior foi vencida, que foi colocar os três carros no grid, e eles conseguiram terminar a prova. O Marlon andou muito bem, o Wanderson foi excelente também, apesar da deficiência no motor dos dois carros, do Wanderson e do Márcio Sarot. Para o Marlon faltou um pouco de freio, que emborrachou, bloqueou e ele rodou, senão teria terminado a prova em terceiro, e pegaria pódio, pois ele tinha carro para chegar após o Safety Car”, analisou o chefe de equipe Max.

Sair de todos os imprevistos que ocorreram durante a sexta etapa, com os acidentes, para mim foi maravilhoso. Mostrou que meus três pilotos estão afiados para a etapa de Tarumã, além de terem carros competitivos, e também são desportivos com os outros pilotos”, concluiu Max.

Marlon Watanabe esperava mais da corrida de Curitiba, mas está confiante para a próxima etapa. “Foi mais uma experiência, tinha mais expectativas para esta prova, já que estamos em casa. Mas foi boa, vamos para a próxima corrida de Tarumã. Temos algumas coisas para mudar no carro, mas tenho certeza que temos condições de brigar pela ponta”, declarou o piloto que terminou a corrida com a 9ª posição e marcou mais sete pontos na tabela geral de classificação.

Para Márcio Sarot a prova foi um treino. Após problemas durante os treinos, não conseguiu sentir o carro direito, e com isso não teve uma posição no grid de largada. “Na corrida o carro ficou muito traseiro, desequilibrava na freada, consegui fazer alguma coisa na largada, onde passei alguns carros, e foi uma luta ter condições para me manter na pista. Por isso, terminar já foi uma vitória. Com certeza o mais importante foi sair de todos os acidentes da corrida, que foram inúmeros, não esbarramos em nenhum carro”, afirmou Sarot, 14º na corrida e dois pontos no campeonato.

Já para o estreante Wanderson Freitas, a etapa de Curitiba marcou sua primeira corrida em um carro da Pick-up Racing e Stock Car. O piloto já participou de provas do Marcas e Pilotos, foi Campeão Mineiro e Campeão Paulista de Marcas. E nunca havia andado na pista de Curitiba, e tão pouco conhecia o carro. “Fiz uma boa largada, mas o motor perdeu rendimento, e não consegui manter a posição que fui perdendo até o final. Com as quebras dos adversários terminamos em uma boa posição, resultado também de ter conseguido me livrar de todas as batidas. Foi uma grande bagagem, e vou levar para minhas próximas disputas. Mais feliz por ter conquistado meus quatro primeiros pontos na categoria”, explicou Wanderson, que pretende correr agora atrás de um patrocínio para competir no restante do campeonato e na próxima temporada.

Tarumã, no Rio Grande do Sul, recebe a sétima etapa da Pick-up Racing no dia 22 de novembro, sendo a penúltima corrida da temporada.

A equipe Max Power Racing tem apoio da Vitti Ferragens e Parafusos, Baretec Eco-Friendly Battery, Radiex e Impressão Digital Gráfica G3.

Pick Up Racing – sexta etapa (Curitiba) - resultado:

1º) 4 - Julio Campos (Mi, PR), 36 voltas em 37:28.639 (média de - km/h)
2º) 54 - Fabricio Lançoni (Mi , SP), a 0.761
3º) 56 - João Pretto (Mi , MT), a 1.600
4º) 1 - Cadú Pasetti (Ch , SP), a 3.811
5º) 88 - Marcos Ramalho (Ch , MS), a 5.009
6º) 6 - Marcelo Cesquim (Ch , PR), a 8.314
7º) 46 - Vitor Genz (Mi , RS), a 9.591
8º) 78 - Fúlvio Marote (Mi , PR), a 10.487
9º) 63 - Marlon Watanabe (Ch , PR), a 11.339
10º) 90 - Thiago Riberi (Ch , SP), a 22.763
11º) 3 - Rafael Iserhard (Ch , RS), a 2 voltas
12º) 11 - Wanderson Freitas (Ch , MG), a 2 voltas
13º) 18 - Rodrigo Navarro (Ch , SP), a 4 voltas
14º) 48 - Márcio Sarot (Ch , PR), a 4 voltas
15º) 10 - Aluizio Coelho (Mi , SP), a 19 voltas
16º) 17 - Serafim Junior (Ch , RJ), a 19 voltas
17º) 96 - João Ometto (Ch , SP), a 21 voltas
18º) 75 - Henrique Assunção (Mi , SP), a 27 voltas
19º) 16 - Carlos Kray (Mi , RS), a 32 voltas
20º) 70 - Rodrigo Stefanini (Ch , SP), a 33 voltas
21º) 14 - Hybernon Cysne (Mi , CE), a 35 voltas
Melhor Volta: Thiago Riberi , 54.027 (169,91 km/h)

Texto: Silvana Grezzana / Luciana Gomes - SIG Comunicação

Acirradas disputas movimentaram a oitava etapa da Copa SP Light


No último sábado, dia 24, a oitava etapa da Copa São Paulo Light surpreendeu o público do Kartódromo Aldeia da Serra em Barueri – SP. Quatro categorias entraram na pista na parte da manhã e as demais completaram a programação da rodada na parte da tarde.

A categoria Mirim foi a primeira a ir para a pista com 11 pilotos. Na tomada de tempo Igor Melo, Sinder Bitton e Gregory Diegues fizeram os três melhores tempos e partiram para o Top Qualify. Na volta lançada, melhor para Melo que ficou com a pole. Autorizada a largada os pilotos partiram em busca de posições. Destaque para Raikkonen Sakzenian, que largou da quarta posição e logo nas primeiras voltas já pressionava o pole. Não tardou muito e Raikkonen o alcançou para darem início a uma boa disputa até o fim da prova, com Sakzenian vencendo e Melo em segundo. Atrás deles, três pilotos brigavam pela terceira posição. João Pedro Custódio, Heitor Murara e Sinder se alternaram bastante, buscando o melhor posicionamento. Melhor para Custódio, que a poucas voltas do fim ultrapassou os dois e finalizou na terceira posição.

Na categoria Cadete, com um grid de 17 pilotos, a pole conquistada no Top Qualify ficou com Mauro Auricchio. Desde a largada Auricchio sofreu grande pressão de Pedro Fonseca e os dois chegaram a se distanciar um pouco do pelotão que havia se formado entre os seis primeiros. Os dois estavam disputando muito a posição, mas não contavam com o perigo que tinha largado da última posição. A ameaça respondia pelo nome de Yurik Carvalho que pouco a pouco encostou no pelotão que brigava pela ponta. Decorridas metade das 18 voltas da prova Vitor Baptista passou a integrar este grupo e assumiu a ponta. Faltando apenas duas voltas para o fim, Carvalho conseguiu a ultrapassagem e soube segurar os ataques de Baptista. Por um bico de diferença a vitória ficou com Yurik seguido por Victor. Auricchio cruzou em terceiro numa emocionante corrida.

A categoria Júnior Menor trouxe 15 pilotos de alto nível buscando os melhores resultados. Leonardo Gimenes ficou com a pole que disputou no Top Qualify com Olin Galli e Pietro Rimbano. Gimenes, Galli e Artur Fortunato passaram a andar em fila indiana quando o então quarto colocado, João Pedro Archer, conseguiu ultrapassar Fortunato e passou a diminuir sua diferença para os dois primeiros. Galli assumiu a ponta e passou a administrar os ataques de Gimenes que, por sua vez, também estava bastante pressionado. Durante uma manobra de ultrapassagem Archer acabou por tocar o kart de Gimenes e este perdeu muitas posições. Com esta atitude os comissários entenderam por bem punir Archer com a desclassificação por atitude anti-desportiva. Atrás deles Flávio Matheus, Matheus Chequer e Bruna Tomaselli seguiam herdando as posições. Melhor para Galli, que venceu seguido de perto por Flávio e Chequer, em terceiro.

Na categoria Júnior, que levou sete pilotos à pista, a pole-position foi de Victor Franzoni. A competitividade entre eles foi tamanha que Franzoni não conseguiu se manter na frente do pelotão por muito tempo. Logo nas primeiras voltas Jean Aguiar assumiu este posto e chegou a abrir uma boa vantagem. Com o passar das voltas, porém, ele teve que passar a se defender. Da metade da prova em diante tudo mudou. Aguiar diminuiu seu ritmo e foi ultrapassado por Franzoni, Yukio Duzanowski e Cacé Almeida. Yukio assumiu a ponta durante algumas voltas enquanto Franzoni e Cacé perdiam tempo disputando o segundo posto. Quando Franzoni conseguiu se desvencilhar de Cacé, faltavam apenas duas voltas para o fim. Assim, na última volta, Franzoni conseguiu a ultrapassagem e venceu. Yukio chegou em segundo e Cacé em terceiro.

Nas categorias Master “A” e “B”, que competem juntas, completo domínio de Fernando Gomes Croce. Além de melhor tempo no Top Qualify ele aproveitou sua condição de pole e disparou na liderança. De ponta a ponta ele garantiu sua vantagem e nem as batidas com efeito “boliche” dos outros competidores o abalou. Nas ocasiões dos acidentes, dos 16 pilotos que largaram seis deles tiveram que abandonar a prova. A briga por posições, porém, continuou ainda mais animada. Pela Master “A”, quem acompanhou Fernando tentando diminuir a diferença foi seu irmão, Daniel Croce. Atrás deles, mas entre os competidores da outra categoria estava Marcelo Okazaki. Contudo, as 25 voltas não foram suficientes para que ele conseguisse alcançá-los. Fernando venceu seguido de Daniel e Marcelo cruzou na terceira posição. Na Master ”B”, Luis Midon, Richard Salgado, Rodrigo Rocha e Marcos Serafim formaram um pelotão que brigou o tempo todo pela liderança. Somente depois da metade da prova é que Midon conseguiu abrir uma vantagem. Isso lhe rendeu a vitória e coube a Salgado se defender dos ataques para garantir a segunda posição, o terceiro posto ficou com Rocha.

A Super Sênior teve 13 pilotos no grid e deixou o melhor da festa para as últimas voltas. O melhor tempo da classe ficou com Jaime Drummond. Mesmo largando da frente ele foi bastante pressionado por Eduardo Pedra. Massayuki Katsui e Antonio Ramos passaram a integrar o pelotão que duelava pela ponta. Drummond se defendeu o quanto pode dos ataques, mas parece que ao ver a placa indicativa de cinco voltas restantes Pedra se animou e conseguiu ultrapassá-lo. Os dois já haviam aberto uma considerável vantagem e puderam brigar entre si com tranqüilidade. Durante as voltas seguintes Drummond até tentou dar o troco, mas não conseguiu. Pedra venceu, seguido de Drumond e a terceira posição ficou com Katsui, que soube administrar os ataques de Ramos e assegurar sua posição.

A Sprinter “A” teve o final de corrida mais eletrizante do dia. O pole Fabiano Machado se viu duramente atacado desde a largada. Guilherme Salas logo pulou para a frente do pelotão e durante mais da metade da prova teve somente que esperar as definições de posição atrás dele. Victor Calimam, que largou da última posição, e João Abreu perceberam a perda de rendimento de Machado e aproveitaram para ultrapassá-lo e poder assim alcançar Salas. Aí começou o grande desfecho. Faltando cinco voltas para o final Caliman era só pressão para cima de Salas até que conseguiu ultrapassá-lo. Quando tudo parecia definido e os karts se encaminhavam para a última curva, a surpresa. Salas, num bote certeiro durante o contorno da curva, reassumiu a ponta e cruzou na primeira posição para o delírio do público presente. O segundo lugar ficou com Caliman, seguido de João Abreu no terceiro posto.

Finalizando o dia de competições a categoria Sprinter “B” tomou o traçado. Renan Papareli fez a volta mais rápida da tomada de tempos, mas, não pode largar da pole pois sofreu uma penalização por falta de peso em seu kart e teve de sair do último lugar. Ele, porém, fez bela corrida de recuperação e após superar todo o pelotão conseguiu alcançar o então líder Bruno Ferreira. Os dois se distanciaram do restante do grupo e passaram a fazer uma corrida a parte. Um pouco mais atrás Felipe Marra e Rodrigo Elger duelavam pelo quarto posto. A todo momento trocando de posições os dois tentavam diminuir a diferença para Kenneth Rodrigues. Contudo, apesar dos bons pegas pela primeira e quarta posição, as 25 voltas não foram suficientes para que pudessem atrapalhar a vitória de Ferreira. Papareli chegou em segundo e Rodrigues na terceira posição.

Fechando o segundo turno do Campeonato, a Copa São Paulo Light retpornará à Aldeia da Serra no próximo dia 21 de novembro, para a realização da nona etapa do ano.

Fonte: Quick Comunicação e Marketing
Foto: Fabiola Cadar

sábado, outubro 24, 2009

Targh 400 garante presença na 4ª etapa da Copa Parilla no Velopark


Atual sensação do kartismo do Rio Grande do Sul, por mostrar organização, equilíbrio e baixos custos, a Copa Parilla terá neste sábado (24) sua 4ª etapa, a ser disputada no Kartódromo do Velopark, em Nova Santa Rita (RS).

Participando da competição desde seu início, a equipe Targh 400 mais uma vez confirmou sua presença, com os irmãos Pedro e Roberto Gomes. A dupla aposta no sucesso da competição, justamente por atender às diversas necessidades dos pilotos, principalmente no que tange a custos reduzidos. “Fazemos questão de prestigiar a iniciativa do Pastro e do Ventre, que criaram o campeonato. E estaremos com eles mais uma vez neste sábado, se possível para brigar por uma vitória”, diz Roberto Gomes (GH Digital/ Ferramental Cotia/ MG Pneus/ Floricultura Verdes e Cores/ Techspeed).

As provas deste sábado terão uma presença muito especial, a do campeão mundial de kart de 1998, o paulista Ruben Carrapatoso. “Não é sempre que temos a chance de dividir curvas com um campeão mundial e certamente aprenderemos um pouco mais observando o Carrapatoso andar”, elogia Roberto.

Os dois irmãos se mostram bastante confiantes em um bom resultado, apesar das dificuldades que a categoria oferece. Além do equilíbrio nos equipamentos – os motores são de propriedade dos pilotos e sorteados entre eles a cada corrida – a qualidade da pilotagem é elevada. “Sim, sem dúvida, terminar entre os cinco primeiros já é bastante difícil. Temos ótimos nomes na categoria, que por isso mesmo tem atraído mais concorrentes a cada prova”, afirma Pedro Gomes (GH Digital/ Ferramental Cotia/ MG Pneus/ Floricultura Verdes e Cores/ Mini), que por sua vez terá pouco tempo para treinar, já que chegou de viagem na tarde desta sexta-feira (23).

A 4ª etapa da Copa Parilla será disputada no circuito oficial do Velopark, porém, em seu traçado mais curto, e terá três baterias. Os aquecimentos e a tomada de tempos serão realizadas pela manhã e as provas à tarde.

Texto: Kart Gaúcho Assessoria de Comunicação – Erno Drehmer
Foto: Erno Drehmer

Kartódromo da Roselândia recebe etapa decisiva da Super Copa


Neste fim de semana o Kartódromo da Roselândia, localizado em Passo Fundo (RS), será o palco da etapa final da Super Copa de Kart, evento que serve como Open do Campeonato Gaúcho de Kart - previsto para acontecer em novembro.

Serão 7 as categorias em disputa: Mirim, Cadete, Five Speed A e B, Pró 400 CBA e Livre, 125cc Stock, além da categoria Fireball, que fará prova promocional. O piloto local Cláudio Ricci, que disputa a GT3 no Brasil e na Europa, confirmou presença no grid da Fireball.

A programação da Super Copa de Kart prevê treinos livres no sábado (24), aquecimento e treinos classificatórios no domingo pela manhã. As baterias terão início às 13hs.

sexta-feira, outubro 23, 2009

Irmãos Leist correm na 8ª etapa da Copa São Paulo Light e tem objetivos diferentes

Terceiro colocado na classificação geral e quinto no segundo turno da Copa São Paulo Light, o gaúcho Matheus Leist (Diadora/ Paquetá/ Ortopé/ TMA Competições) tem novo compromisso neste sábado (24). No Kartódromo Aldeia da Serra, em Barueri (SP), ele disputa a 8ª etapa da competição e quer um resultado que o permita melhorar ainda mais sua situação na competição.

O Matheus está muito bem colocado e a idéia é chegar na última etapa, quando os pilotos terão sido ‘repontuados’ após o encerramento dos turnos’, pelo menos entre os três primeiros, para poder brigar pelo título”, explica José Carlos Spier, o Nico, experiente preparador e chefe da equipe de Matheus, a Velopark Racing.

Ao mesmo tempo em que Matheus busca um posicionamento melhor em sua categoria, a Cadete, seu irmão Arthur quer ganhar mais experiência. Competindo na primeira categoria do kartismo brasileiro, a Mirim, Arthur Leist (Diadora/ Paquetá/ Ortopé/ TMA Competições) não tem disputado todas as etapas do Light. “O Arthur ainda está em um processo de aprendizado, como o próprio Matheus já viveu. A idéia é fazer com que ele vá aprendendo aos poucos, para quando chegar na Cadete, ele possa ser mais competitivo”, diz Spier.

Os dois pilotos gaúchos, de Novo Hamburgo, estão desde a última quinta-feira (22) treinando em Aldeia da Serra e ambos obtiveram ótimos resultados, o que aumenta as expectativas de que os dois possam obter bons resultados. “As chances são boas e mesmo o Arthur, que não está preocupado com resultado, poderá sair da pista bem colocado”, encerra Spier.

As atividades oficiais da 8ª etapa da Copa São Paulo Light prevêem que Matheus e Arthur disputem a tomada de tempos e suas corridas na parte da manhã deste sábado.

Kart Gaúcho Assessoria de Comunicação – Erno Drehmer

MC Competições realiza a "Advanced Driving School" em Tarumã


Dias atrás recebemos da MC Competições, via e-mail, o release aí abaixo, informando acerca do curso de pilotagem que esta equipe gaúcha realizará em novembro, no Autódromo de Tarumã. Repassamos a vocês o convite:

Nos dias 28 e 29 de novembro a MC Competições, com o apoio do Grupo Eurobike, irá realizar, no Autódromo Internacional de Tarumã, um curso de pilotagem para quem gosta de sentir as emoções que a velocidade proporciona, com muita segurança, responsabilidade, infraestrutura adequada e a orientação de pessoas especializadas em automobilismo de competição.

O curso de pilotagem está a cargo da Escola Gaúcha de Pilotos, que através de seus instrutores ministra cursos de pilotagem para novos pilotos interessados em competir, ou mesmo para aquelas pessoas que desejam adquirir conhecimento e destreza ao volante.

Será fornecido ao final do curso um certificado de conclusão que habilita o participante a fazer sua carteira de piloto junto a Federação Gaúcha de Automobilismo.

O curso inicia no sábado pela manhã com as aulas teóricas e, já no sábado à tarde, os futuros pilotos terão o primeiro contato com a pista, ou seja, irão andar no carro de competição junto com seu instrutor. Logo depois os alunos já poderão começar o seu treinamento, sempre com os instrutores a sua disposição e supervisionando seu rendimento.

No domingo pela manhã e à tarde os alunos também farão baterias de treinos; ao final do dia receberão seu certificado de conclusão.

Os veículos utilizados no curso serão nove Volvo C30 preparados especialmente para competição pela equipe MC Competições, que é a mesma que fabrica o MC Tubarão, famoso protótipo de competição que participa dos Campeonatos Brasileiro e Gaúcho de Endurance. Os carros têm motor 2.0 l, que rendem 180cv de potência, gerenciados por um sistema eletrônico MOTEC. A suspensão foi projetada especialmente para competição, tendo amortecedores da marca Bilstein, importados diretamente da Alemanha.

Durante o final de semana os participantes terão o maior conforto com toda a alimentação incluída no valor do curso. Também será produzido um DVD com as principais imagens do final de semana, inclusive com câmeras on board, que será entregue aos pilotos juntamente com um CD com todas as fotos do evento.

Para os acompanhantes e convidados dos alunos será disponibilizada a venda de convites que dão direito a todo o serviço de alimentação, como café da manhã, almoço e lanche na parte da tarde.

Este será um evento fechado, para um número de 14 participantes e seus convidados, para uma maior privacidade e conforto.

Investimento: R$ 4.500,00 por piloto
Convites: R$ 100,00 por pessoa para os dois dias.

Para mais informações:
Fone: (51) 3598-5338














Texto e Fotos: MC Competições

João Archer de volta às competições após grave acidente


O piloto mineiro João Pedro Archer (SF Engrenagens / Tokyo Tratores), da categoria Júnior Menor, retomará no próximo sábado, dia 24, à sua rotina de competições. Ele disputará a oitava etapa da Copa São Paulo Light de Kart, que acontecerá no kartódromo Aldeia da Serra, em Barueri – SP.

Após ficar quase três meses sem poder treinar, João Pedro agora quer recuperar o tempo perdido. Seu afastamento forçado das pistas aconteceu na primeira fase do Campeonato Brasileiro de Kart deste ano, em Goiânia. Na ocasião o piloto demonstrava uma grande evolução e marcou o melhor tempo da competição sendo assim o pole-position em sua categoria. As chances de consolidar sua vitória e garantir o título nacional eram grandes até que um acidente ceifou sua expectativa. Numa classe onde os pilotos têm demonstrado alto nível técnico e a competitividade entre eles é grande. Assim, durante a bateria que definiria o campeão, João Pedro foi envolvido em um acidente de graves proporções. A corrida teve que ser paralisada e o piloto foi removido ao hospital local. Lá foi constada uma fratura no braço direito.

Louco para voltar às competições ele não vê a hora de sentir a adrenalina da velocidade. Apesar de demorada a recuperação de João Pedro teve uma boa evolução e desde o início do mês ele tem se dedicado aos treinos. Junto a equipe Alan Motorsport ele já esteve na pista de Aldeia da Serra para alguns treinos. Mesmo muito tempo longe das pistas ele demonstrou nos testes que não perdeu a “mão” do kart. Junto aos competidores que continuaram em atividade ele conseguiu virar os mesmos tempos.

O João estava numa ótima fase quando aconteceu o acidente. Apesar de treinar pouco ele sempre demonstrava na pista ser um piloto bastante arrojado e os resultados estavam começando a aparecer. Depois dos bons resultados que ele tinha conseguido no Light achávamos que o sonho do título no Brasileiro estava mais perto. Ele tinha se esforçado bastante para conseguir a pole e se preparava para uma corrida difícil, mas, não impossível. Infelizmente um piloto mais afoito tirou as chances do João conseguir isso neste ano. Mas nem tudo está perdido. Para esta etapa do Light ele está muito motivado e esperamos conseguir um bom resultado”, analisou Pedro Archer, pai de João Pedro.

Diferente das outras etapas em que participou, no novo formato do Light a programação da Júnior Menor começa as nove da manhã com os treinos de aquecimento. A prova começa às 11 e meia da manhã.

Fonte: Quick Comunicação e Marketing
Foto: Flávio Quick

RepLube apoiará os Velozes do Kart nas 500 Milhas de Kart Amador


No dia primeiro de novembro o Kartódromo Internacional da Granja Viana, em Cotia, Grande São Paulo, receberá pela primeira vez a corrida das 500 Milhas de Kart Amador. Um grupo de amigos de Belo Horizonte, auto-intitulados Velozes do Kart, se uniram e inscreveram duas equipes para a disputa da histórica corrida.

Faltando dez dias para a prova os mineiros estão concentrados em sua preparação física. Na corrida, que terá a duração de 12 horas, os pilotos irão se revezar na condução dos karts durante toda a disputa. Assim, apesar de ser um campeonato para amadores, os amigos estão encarando o desafio com muita seriedade.

A dedicação e o entusiasmo do time começaram a tomar espaço na grande imprensa e no princípio da semana eles ganharam o apoio da Rep Lube Distribuidora. A empresa do ramo de lubrificantes viu o grande potencial do time em descobrir e desenvolver novos talentos no esporte. Bastante atenta ao mercado automotivo, a empresa percebeu a importância de fazer parte deste momento histórico no cenário nacional. Esta será a primeira vez em que os pilotos não profissionais estarão reunidos para uma grande disputa baseada na tradicional prova 500 Milhas da Granja Viana. Além de serem realizadas no mesmo local, a corrida dos amadores acontecerá um mês antes da tradicional prova que reúne os grandes nomes do automobilismo nacional, como Rubens Barrichello, Felipe Massa, Tony Kanaan, Christian Fittipaldi, etc.

Sabemos que são muitos os apaixonados pelo esporte-motor espalhados pelo país. Esta será uma grande oportunidade para que os pilotos de final de semana mostrem na pista suas habilidades. O formato da competição trará mais de 200 pilotos onde cada um deles terá que dar sua contribuição para a conquista da vitória. O trabalho em equipe será fundamental e vamos desenvolver uma boa estratégia para aproveitar as habilidades de cada integrante do time. Com o apoio da Rep Lube estaremos melhor preparados para enfrentar as 12 horas de competição”, explicou Álvaro Andrade, chefe de equipe dos Velozes do Kart.

Com os karts números 21 e 22 a equipe mineira será representada por:

Breno Lima
Sidharta Továr
Rodrigo Vale
Franco Serra
Iuri Rocha
Guilherme Vieira
Adriano Veloso
Ronaldo Torquato
Renato Bianchi
Luiz Henrique
Diogo Macêdo
Reginaldo Silva
Rodrigo Bossi
Gustavo Bossi

Confira no web site da equipe todas as informações, notícias, fotos e muito mais!!

Fonte: Quick Comunicação e Marketing

quinta-feira, outubro 22, 2009

Enduro de Natal de Kart 2009: inscrições abertas!


Os promotores da 3ª edição do Enduro de Natal de Kart divulgaram, nessa semana, o Regulamento Técnico Desportivo da competição e, com isso, abriram o processo de inscrição para as equipes interessadas na disputa.

A prova, com duração prevista de 4 horas, acontecerá no dia 19 de dezembro de 2009, no Kartódromo Raceland, em Pinhais (PR). As equipes deverão ser compostas por 2 pilotos.

Acesse www.appk.com.br e confira mais detalhes sobre a edição de 2009 do Enduro.

A 3ª edição do Enduro de Natal de Kart é uma realização da APPK (Associação Paranaense de Pilotos de Kart), do Kart Clube Curitibano, do Kartódromo Raceland e tem a supervisão da FPrA (Federação Paranaense de Automobilismo).

Yurik Carvalho quer ampliar a liderança na Copa São Paulo Light de Kart


No próximo sábado, dia 24, o piloto Yurik Carvalho (Techspeed / Splash Bar / Camargo Racing), da categoria Cadete, voltará à pista do Kartódromo Aldeia da Serra, em Barueri, Grande São Paulo, para a disputa da oitava etapa da Copa São Paulo Light de Kart.

Carvalho, atual Campeão Sul-Americano de Kart, lidera a pontuação do Campeonato com 16 pontos ao lado de Mauro Auricchio. Desde a última prova, disputada na segunda quinzena de setembro, Yurik não retornou ao kartódromo da Aldeia em virtude de compromissos com outras competições como o Campeonato Nova Schin, em Itu e a própria Copa Brasil de Kart.

Para recuperar todo o seu conhecimento da pista e ajustar seu kart para a corrida deste sábado Yurik e a Camargo Racing chegarão em Barueri na manhã desta quinta, dia 22, quando darão início aos treinos livres. Até o final da tarde de sexta serão quatro sessões onde o time pretende ajustar todo o equipamento e proporcionar ao piloto o maior tempo possível de adaptação ao traçado desta etapa.

Adoro a pista da Aldeia. Ela tem um monte de traçados diferentes e, a cada corrida, parece que estamos em outro kartódromo. O Light é com certeza o Campeonato mais difícil do ano, uma vez que são dez corridas e todas eles com muitos pilotos. Quero fazer uma boa corrida neste final de semana e ganhar a prova para abrir mais pontos na classificação do segundo turno. Assim, posso chegar na última corrida com uma chance maior de terminar esta fase em primeiro e me repontuar melhor para a final, de dezembro”, encerrou o piloto da Camargo Racing.

Seguindo o cronograma adotado pela Copa São Paulo Light desde o mês de agosto a categoria Cadete fará todas as suas atividades na manhã de sábado. As sete horas os times retiram os motores junto a organização. As 8h45 acontece o treino de aquecimento. As dez horas será a tomada de tempos e finalmente a corrida, tem sua largada prevista para as 11h10.

Fonte: Quick Comunicação e Marketing
Foto: Flávio Quick

quarta-feira, outubro 21, 2009

Copa Nextel Stock Car: Átila Abreu quer vencer na abertura da Superfinal


Piloto sorocabano quer subir no lugar mais alto do pódio no anel externo de Curitiba

A Copa Nextel Stock Car começa conhecer o campeão da temporada 2009 a partir deste domingo (25/10), com a abertura da Mobil Superfinal. Os 10 mais bem colocados nas oito primeiras corridas estão na briga pelo título. “A minha expectativa é brigar pela vitória”, afirma o sorocabano Átila Abreu (Agecom/3M/Zinco Jeans Wear/Roca Cesta Básica/Arroz Alibabá/Sascar/Colonial Rodas), quarto colocado no campeonato com 219 pontos.

A nona etapa da principal categoria do automobilismo nacional acontece no Autódromo Internacional de Curitiba, localizado na cidade de Pinhais, na Grande Curitiba. A corrida terá transmissão ao vivo da TV Globo, a partir das 11h, dentro do programa Esporte Espetacular.

A prova será disputada no anel externo do circuito paranaense, que tem 2.550 metros de extensão. Átila Abreu prevê uma corrida muito equilibrada. “A pista do anel externo é muito rápida e os tempos vão ser separados pelos milésimos de segundo”, aposta o titular da AMG Motorsport, que tem comando esportivo do 12 vezes campeão Ingo Hoffmann.

Como o desempenho entre os pilotos deve ser muito próximo, Átila já traçou o que imagina ser a melhor tática para o fim de semana. “Temos que ser agressivos desde o treino classificatório, para começar o fim de semana pontuando”, explica o piloto da Agecom/3M/Zinco Jeans Wear/Roca Cesta Básica/Arroz Alibabá/Sascar/Colonial Rodas, que largou da pole position na última prova disputada.

O equilíbrio é a marca registrada desta temporada. Cada uma das oito corridas teve um vencedor diferente – recorde na categoria -, sendo que quatro deles sentiram esse gostinho pela primeira vez. Átila quer engrossar essa lista. “Espero melhorar este recorde e ter condições de brigar pela minha primeira vitória na Stock Car já em Curitiba”, planeja.

O jovem piloto de 22 anos vê a vitória como fundamental para a sua ambição de ser o campeão ao fim das 12 etapas do ano. “Tenho a pretensão de lutar diretamente pelo título, então chegou a hora de subir mais degraus no pódio”, conta o sorocabano, que figurou em três oportunidades entre os três primeiros em 2009.

Esta é a programação do fim de semana em Curitiba:

Sexta-feira, 23/10
12h30 – 13h00: Treino livre (Grupo 1)
13h05 – 13h35: Treino livre (Grupo 2)
16h20 – 16h50: Treino livre (Grupo 1)
16h55 – 17h25: Treino livre (Grupo 2)

Sábado, 24/10
08h15 – 08h45: Treino livre (Grupo 1)
08h50 – 09h20: Treino livre (Grupo 2)
11h40 – 13h00: Treino classificatório

Domingo, 25/10
11h: Largada para a 9ª etapa

Veja a classificação da Copa Nextel Stock Car após oito etapas:
1º) Cacá Bueno (P3, RJ), 235
2º) Valdeno Brito (P3, PB), 223
3º) Thiago Camilo (CA, SP), 221
4º) Atila Abreu (CA, SP), 219
5º) Ricardo Mauricio (CA, SP), 218
6º) Marcos Gomes (CA, SP), 215
7º) Daniel Serra (P3, SP), 212
8º) Allam Khodair (P3, SP), 211
9º) Max Wilson (CA, SP), 210
10º) Luciano Burti (CA, SP), 207
11º) Antonio Pizzonia (P3, AM), 51
12º) Xandinho Negrão (CA, SP), 49
13º) Ricardo Sperafico (P3, PR), 44
14º) Antonio Jorge Neto (P3, SP), 42
15º) Paulo Salustiano (CA, SP), 38
15º) Duda Pamplona (CV, RJ), 38
17º) Giuliano Losacco (P3, SP), 29
18º) Nonô Figueiredo (CA, SP), 24
19º) Lico Kaesemodel (CA, PR), 22
20º) Alceu Feldmann (CV, PR), 17
21º) Ricardo Zonta (P3, PR), 18
22º) David Muffato (P3, PR), 16
23º) Felipe Maluhy (P3, SP), 14
24º) Popó Bueno (CV, SP), 12
25º) Rodrigo Sperafico (P3, PR), 8
25º) Norberto Gresse (CA, SP), 8
27º) Thiago Marques (P3, PR), 6
28º) William Starostik (CV, PR), 5
28º) Chico Serra (P3, SP), 5
30º) Enrique Bernoldi (P3, PR), 1

Sábado tem Copa São Paulo Light no Kartódromo Aldeia da Serra

Neste sábado, dia 24 de outubro, uma das principais competições de kart do país entra em sua fase decisiva com a realização da oitava etapa do ano. A Copa São Paulo Light de Kart, campeonato que realiza suas provas costumeiramente no Kartódromo Aldeia da Serra, em Barueri, Grande São Paulo, receberá os pilotos e equipes para esta que será a antepenúltima rodada da temporada.

Em todas as classes as disputas estão muito acirradas, principalmente em virtude do esquema de pontuação adotado pelo Light em que, até a última etapa, quase todos os pilotos acumulam chances de lutar pelo título.

Passadas as grandes provas nacionais como o Campeonato Brasileiro (julho) e a Copa Brasil, realizada no início deste mês, em Lauro de Freitas – BA, competidores e seus times têm agora 100% de suas atenções voltadas às suas disputas regionais. Com isso, o alto nível de competitividade das baterias do Light deve ser ainda maior nestas três rodadas que restam para o encerramento do Campeonato.

Outro fato muito importante e que agradou bastante à todos os envolvidos com as provas do Light foi o novo sistema de horários. Desde a etapa de agosto que a programação do dia da corrida foi dividida entre manhã e tarde proporcionando assim, uma maior otimização do tempo em que os pilotos passam na pista e ajudando, também, as equipes e profissionais envolvidos a se programarem melhor durante o dia.

Os treinos livres oficiais para esta rodada terão início na quinta-feira, dia 22, com duas sessões por dia para cada classe. O sorteio dos motores se dará na sexta-feira, a partir das três da tarde. No sábado, dia das corridas, a entrega dos motores será a partir das sete da manhã. Em seguida os karts tomam a pista para os treinos de aquecimento, tomadas de tempo e as corridas. Classes que competem pela manhã terão as baterias iniciadas as 10h50 e, as categorias da tarde, começam suas corridas às três e meia.

A programação completa da etapa assim como a classificação do Campeonato, galerias de fotos, regulamentos e adendos podem ser acessados diretamente no web-site da RBC Preparações no endereço www.rbcpreparacoes.com.br.

Fonte: Quick Comunicação e Marketing

terça-feira, outubro 20, 2009

Copa Nextel Stock Car apresenta suas novidades técnicas para 2010


Evento reuniu imprensa e convidados em São Paulo

No dia 25 de outubro a Copa Nextel Stock Car dará a largada rumo à sustentabilidade com a realização da Corrida Verde, no Autódromo Internacional de Curitiba, no Paraná. Trata-se do primeiro passo rumo à conscientização ambiental. Neutralização de carbono e reciclagem de resíduos sólidos marcarão a nona etapa da Copa Nextel Stock Car.

A preocupação com a qualidade de vida no planeta por parte da principal categoria do automobilismo nacional vai ainda mais longe. Na próxima temporada, a categoria, juntamente como seus parceiros, trará algumas novidades técnicas que visam contribuir ainda mais com esse processo sustentável.

A apresentação das novidades aconteceu em uma coletiva nesta terça-feira, em São Paulo, com a presença de Carlos Col, diretor-presidente da Vicar, promotora da categoria, Besaliel Botelho, VP Executivo da Bosch, Marcos Jank presidente da Unica União das Indústrias de Cana-de-açúcar, e Carlos Resende, diretor de marketing para combustíveis da Cosan.

Na verdade, essas novidades estão interligadas. Depois do novo carro, que chegou neste ano, em 2010 será a vez do novo motor, mais leve e potente, que vem completar o pacote técnico do modelo JL- G09. Ele será gerenciado por uma moderna injeção eletrônica, desenvolvida pela Bosch, que permitirá a utilização do novo combustível, etanol, fornecido pela ESSO.

Empresas em todo o mundo estão se preparando para trabalhar em um futuro próximo com menores níveis de emissão de carbono. A Stock Car e a Vicar não poderiam ficar de fora desta iniciativa. A Corrida Verde abre oficialmente este projeto, que estará mais forte em 2010 com estas e outras novidades”, explica Carlos Col, diretor-presidente da Vicar.

O novo motor trará mais potência aos carros da Copa Nextel Stock Car. Montado em um bloco de alumínio, com peso de 170 kg, o novo motor terá 520 cv (antes eram 480), com máxima de 6500 RPM, torque de 71 kg/f, injeção eletrônica Bosch, Fly by wire, etanol como combustível, podendo atingir 265 km/h.

A Copa Nextel Stock Car 2009 tem realização e organização da Vicar Promoções, com supervisão da Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA). O patrocínio oficial é da Nextel, que dá nome à principal categoria do automobilismo nacional, a divisão conta ainda com o patrocínio de Goodyear e Caixa, além de co-patrocínio de Bosch, Medley e Esso. As montadoras presentes são Chevrolet e Peugeot.

Texto: MBraga Comunicação - Marcelo Eduardo Braga
Foto: Duda Bairros - Agência WE

Pietro Fantin disputa sua primeira final de Seletiva Petrobras


Um novo desafio espera pelo paranaense Pietro Fantin (Silea Participações) a partir desta terça-feira (20) em Volta Redonda (RJ). Durante dois dias ele disputa sua primeira final da Seletiva Petrobras e é um dos 12 pilotos que lutam pelo prêmio de R$ 100 mil oferecido pela petrolífera brasileira.

Pietro garantiu sua vaga na etapa classificatória Sul, realizada no Kartódromo do Velopark, em Nova Santa Rita (RS), em abril e terá como adversários os melhores pilotos do Brasil, dentre eles competidores mais experientes, como Claudio Cantelli Jr. e Leonardo Cordeiro, que disputam a Fórmula 3 Sul-Americana.

Sem dúvida, será um enorme desafio. Terei que enfrentar pilotos experientes, como o Cantelli e o Cordeiro, e também kartistas com os quais tenho dividido as pistas durante este ano”, avalia Fantin. “Mas tenho meus méritos e confio em mim. Seguramente estarei na briga por este prêmio, importante para a continuidade da carreira de qualquer piloto”, completa.

A Seletiva Petrobras tem um formato bastante particular em sua disputa e os 12 classificados se enfrentam entre si das mais diversas formas e utilizando os mesmos karts. “É totalmente diferente do que estamos acostumados, mas é um formato bastante justo. Os organizadores querem realmente premiar o melhor e o critério utilizado faz com que eles atinjam seus objetivos”, elogia.

Na disputa pelo prêmio são utilizados chassis Birel, pneus MG e motores Biland, de quatro tempos, que exigem uma pilotagem mais apurada. Para se adaptar a esta condução do kart, o piloto Silea Participações esteve no Kartódromo de Volta Redonda, treinando com um equipamento semelhante ao que será utilizado na final. “Não deu para treinar muito, porque choveu forte, mas pelo menos consegui dar algumas voltas na pista e conhecer um pouco odesempenho do motor e como se deve guiar o kart. Estou confiante, apesar de saber da qualidade dos adversários”, finaliza Pietro Fantin.

A programação em Volta Redonda começou nesta terça (20), com apresentação e pesagem dos pilotos, aquecimento e as três tomadas de tempo. Na quarta, após outro aquecimento, acontecem as corridas eliminatórias, repescagens e finais.

Texto: Kart Gaúcho Assessoria de Comunicação – Erno Drehmer
Foto: Mario Ferreira

Subida de Montanha é atração na serra gaúcha


Prova organizada pelo CPR será disputada em Canela

As provas de subida de montanha consagradas na Europa e Estados Unidos chegam ao Brasil com uma etapa que promete emoção e um espetáculo visual na serra gaúcha. A prova terá largada e chegada em Canela no sábado, dia 24 de outubro. Ao invés de longas distâncias o desafio dos pilotos e navegadores é enfrentar um terreno em aclive testando a habilidade das equipes.

"Pikes Peak, por exemplo, nos Estados Unidos, é uma das mais famosas e conhecidas do mundo. O piso da prova de Canela é muito parecido com o da prova americana e é um tipo de competição diferente que, juntamente com o município de Canela e o Clube Porto Alegre de Rallye, estamos realizando no Rio Grande do Sul", comenta Marcos Schwan da Datasport – Evento Off Road, promotora do evento.

A expectativa é contar com a participação de pelo menos 30 carros inscritos. O trecho da Prova Especial possui 7,1 Km em subida com 651 metros de diferença de altura entra a partida e a chegada. Os carros competem em 5 categorias: Rallye de Velocidade, Rallye de Regularidade, Carros de Velocidade de Terra, 4x4 e N4/Força Livre.

O início da prova será no fundo do Vale do Quilombo, serpenteando entre as montanhas da região e terminando próximo ao centro de Canela. São 7,1 Km de estradas com piso de cascalho e areia. Informações e inscrições podem ser feitas através do site do Clube Porto Alegre de Rally –
www.cpr-rally.com.br.

A 1ª Subida de Montanha – Canela 2009 tem o patrocínio do Alpen Motion, apoio da Prefeitura Municipal de Canela, ACIC – Associação Comercial Industrial de Canela, Posto do Nico e Consepro-Canela. Promoção da Datasport-Eventos Off Road e organização do Clube Porto Alegre de Rallye.

Texto: PlayPress - Marcelo Matusiak

Felipe Fraga chega confiante para sua primeira final de Seletiva Petrobras

O piloto tocantinense Felipe Fraga (Kart Mini/ Quake2/ ULV), dono de diversos títulos no kartismo brasileiro, está em Volta Redonda (RJ) em busca de mais uma conquista importante.
Classificado na etapa Nordeste, disputada no Maranhão, Fraga concorre com outros 11 qualificados pilotos ao título da Seletiva Petrobras, que dará a seu campeão o prêmio de R$ 100 mil, oferecido pela petrolífera brasileira.

Dentre seus adversários estão Claudio Cantelli Jr. e Leonardo Cordeiro, pilotos experientes e que disputam atualmente a Fórmula 3 Sul-Americana, e kartistas que competem no kartismo brasileiro. “Será uma pedreira, sem dúvida alguma”, diz Fraga, que se declara bastante confiante. “Confio muito em mim mesmo, me preparei o que pude para esta final e estou pronto para a disputa”, emendou o piloto, que esteve em Volta Redonda na semana passada,mas não pôde treinar muito em razão da forte chuva.

A disputa da final da Seletiva Petrobras passa por um formato um tanto diferente do que os kartistas estão acostumados: divididos em três grupos de quatro pilotos cada, eles se enfrentarão entre si durante esta terça e quarta, utilizando-se de karts exatamente iguais, fornecidos pela Seletiva Petrobras. Dentre as atividades constam tomadas de tempos onde apenas uma volta é dada ou onde vale soma de tempos de três outras voltas, por exemplo.

É um formato que busca dar condições iguais a todos os pilotos, que usam os mesmos karts. Quem vencer certamente terá merecido a vitória”, aponta Fraga.

Na final da Seletiva Petrobras são utilizados chassis Birel, pneus MG e motores Biland, de quatro tempos, que exigem uma pilotagem mais refinada, sem erros. “São motores que têm uma retomada uma pouco mais lenta que os de dois tempos e por isso é necessária uma guiada mais ‘redonda’. Treinei um pouco com estes motores e me adaptei bem a eles”, finaliza o piloto Kart Mini/ Quake2/ ULV.

Texto: Kart Gaúcho Assessoria de Comunicação – Erno Drehmer

segunda-feira, outubro 19, 2009

Fórmula Classic RS: resultados da 4ª etapa



O Autódromo Internacional de Tarumã recebeu, no sábado (10), a quarta etapa da Fórmula Classic RS. A categoria gaúcha dos carros históricos dividiu a pista de Viamão (RS) com pilotos e equipes do Brasileiro e do Gaúcho de Endurance.

A dupla Luciano e Arnaldo Fossá, a bordo do VW Fusca Hotcar, que compete na Divisão 3 - Força Livre, venceu no grid geral e na D3. Confira abaixo o resultado completo da prova e os vencedores em cada categoria:

Pos/ Nº/ Piloto/ Carro/ Categoria
1. 0 - Luciano Fossá/ Arnaldo Fossá - VW Fusca Hotcar - D3
2. 47 - Jorge Krug - VW Passat - D2 C
3. 8 - Nilton Amaral/ Leonardo Tumelero - VW Passat - D2 C
4. 77 - Fábio Mincarone - GM Chevette - D2 B
5. 75 - Juliano Giacomazzi - GM Opala - D3
6. 11 - Paulo Trevisan - VW Passat - D2 C
7. 9 - Mauro Weck - Fiat 147 - D2 B
8. 32 - Luciano Marx - Ford Escort - (*)

9. 16 - Carlos Eugenio - Chevrolet 36 - D2 A
10. 34 - Tibiriçá de Los Santos - Renault R8 - D2 A
11. 99 - Eduardo Neves - VW Brasília - D2 B
12. 90 - Francisco Rossi - Fiat 147 - D2 B
13. 147 - Rogério Franz - Fiat 147 - D3
14. 12 - Rogério 'Bareta' Xavier - Puma VW - (*)
15. 56 - Teodoro Januz - DKW Belcar - D2 A
16. 5 - Fernando Jaeger - Carreteira DKW - D2 A
17. 1 - Sérgio Aguinsky - Puma VW - D2 B



A quinta e última etapa da temporada 2009 da Fórmula Classic RS está marcada para o dia 12 de dezembro, O fim de semana das 12 Horas de Tarumã. A categoria fará a preliminar desta tradicional prova do automobilismo gaúcho.

E fica aqui o convite: visite o Blog do Passatão, dos pilotos Niltão Amaral e Leo Tumelero, para saber todos os detalhes de cada uma das etapas do certame.


Fonte: Erlon Radl - Federação Gaúcha de Automobilismo
Fotos: Erlon Radl

domingo, outubro 18, 2009

F1: Jenson Button fatura o Mundial de Pilotos, Brawn o de Construtores


Com a 5ª posição no GP do Brasil de F1 - vencido de forma impecável por Mark Webber - o piloto inglês Jenson Button garantiu de forma antecipada o título da temporada 2009 da categoria.

Além disso, a etapa disputada neste domingo em Interlagos (SP) definiu também o Mundial de Construtores em favor da equipe Brawn GP, a estreante do ano, fato inédito na categoria!

Foto: xpb.cc / motorsport.com

F3 Sul-Americana: Lucas Foresti sofre batida e abandona em Interlagos

Num domingo onde as atenções da maioria da população brasileira esteve voltada para o autódromo de Interlagos, capital de São Paulo, mais precisamente para a disputa do Grande Prêmio Brasil de F1, alguns dos jovens pilotos aspirantes a uma daquelas vagas, disputou na mesma pista, a 13ª etapa do Campeonato Sul-Americano de F3.

A corrida, prevista inicialmente para o final da tarde de ontem, teve sua realização alterada em virtude das condições metereológicas. A forte chuva que assolou a zona sul da capital Paulista impossibilitou a disputa da corrida que, com isto, foi transferida para a manhã deste domingo. A segunda prova do final de semana, inicialmente prevista para esta manhã, foi então adiada para o dia sete de novembro, no Autódromo de Campo Grande – MS.

Um dos principais destaques desta temporada, o brasiliense Lucas Foresti (Cesário Fórmula), teve problemas durante a tomada de tempos que foi disputada no final da tarde de sexta-feira e, com isso, conseguiu uma marca que lhe garantiu a nona posição no grid de largada desta etapa.

Disposto a brigar por posições e conseguir uma pontuação capaz de lhe devolver o terceiro lugar no campeonato, Foresti alinhou o carro numero dois da Cesário Fórmula na quinta fila do grid de largada.

Com o tempo firme, mas a pista ainda molhada em virtude da chuva que caiu durante toda a noite, alguns pilotos optaram por largar com pneus de chuva e outros com os compostos do tipo slick, estes específicos para pista seca. Equipado com pneus de chuva, Lucas fez uma excelente largada e pulou para a quarta posição. Na freada do “S” do Senna, porém, o carro do austríaco Walter Grubmuller, que vinha de pneus slick, atingiu em cheio o carro de Lucas que acabou envolvendo também Yann Cunha na confusão. Os três pilotos abandonaram a corrida e da mureta de proteção da pista acompanharam a vitória de Leonardo Cordeiro, companheiro de equipe de Lucas.

Correr num final de semana de F1 seria uma experiência realmente marcante e que poderia trazer grandes benefícios para nós. Mas, diferente disso tivemos o nosso cronograma da etapa completamente comprometido em virtude da ausência dos treinos livres e, mais ainda, com o adiamento da corrida de ontem. Quando cheguei hoje na pista e notei o traçado molhado fiquei animado, pois na tomada de tempos tínhamos conseguido um bom acerto para esta condição. Quero acreditar que por completa inexperiência com os pneus brasileiros o Grubmuller preferiu largar com compostos slick e simplesmente não fez a primeira curva. Encerrando assim a própria corrida, a minha e a do Yann, que não tínhamos nada haver com sua escolha equivocada”, explicou o piloto da Capital Federal.

Sul-Americano de F3 - 13ª Etapa – Domingo, 18/10/2009

1) Leonardo Cordeiro (Cesário Fórmula), 15 voltas, 29m17s160
2) Henrique Lambert (Razia Sports), a 19.170
3) Victor Guerin (Dragão Motorsports), a 39.925
4) Bruno Andrade (MX Racing)(L), a 44.754
5) Henrique Martins (Cesário Júnior)(L), a 45.840
6) Raphael Abbate (Cesário Júnior) (L), a 46.263
7) Igor Veras (PropCar Racing), a 48.719
8) Lu Boesel (Dragão Motorsport), a 1 volta
9) Leandro Florenzo (Bassani Racing)(L), a 1 volta
10) André Negrão (Bassan Motorsport), a 3 voltas
11) Claudio Cantelli (Bassan Motorsport), a 6 voltas
12) Nilton Molina (PropCar Racing), a 11 voltas
13) Leonardo de Souza (Kemba Racing), a 13 voltas
14) Lucas Foresti (Cesário Fórmula), a 15 voltas
15) Yann Cunha (Razia Sports), a 15 voltas
16) Walter Grubmuller (HiTec Racing), a 15 voltas
Melhor Volta: Leonardo Cordeiro, 1:45.824 (média de 146,586 km/h), na 14ª volta

Confira abaixo a classificação do Campeonato após 13 etapas:

1) Leonardo Cordeiro (Cesário Fórmula), 97 pontos;
2) Claudio Cantelli (Bassan Motorsports), 68;
3) Henrique Lambert (Razia Sports), 51;
4) Yann Cunha (Razia Sports), 50;
5) Lucas Foresti (Cesário Fórmula), 48;
6) Lu Boesel (Dragão Motorsports), 41;
7) Nilton Molina (PropCar Racing), 40;
8) Leonardo de Souza (Kemba Racing), 30;
9) Igor Veras (PropCar Racing), 28;
10) Fernando Galera (Bassan Motorsports), 23;
11) Henrique Martins (Cesário Júnior), 11;
12) Bruno Andrade (MX Racing), 7;
13) Victor Guerin (Dragão Motorsports), 6;
14) Raphael Abbate (Cesário Júnior), 5;
15) Lucilio Baumer (Baumer Racing), 2;

Fonte: Quick Comunicação e Marketing

sábado, outubro 17, 2009

Imagem do dia: Rubens Barrichello crava a pole para o GP do Brasil de F1


Confira o grid de largada:

1º. Rubens Barrichello (BRA/Brawn), 1min19s576 (30 voltas)
2º. Mark Webber (AUS/Red Bull), 1min19s668 (28)
3º. Adrian Sutil (ALE/Force India), 1min19s912 (28)
4º. Jarno Trulli (ITA/Toyota), 1min20s097 (29)
5º. Kimi Raikkonen (FIN/Ferrari), 1min20s168 (30)
6º. Sébastien Buemi (SUI/Toro Rosso), 1min20s250 (35)
7º. Nico Rosberg (ALE/Williams), 1min20s326 (31)
8º. Robert Kubica (POL/BMW), 1min20s631 (30)
9º. Kazuki Nakajima (JAP/Williams), 1min20s674 (32)
10º. Fernando Alonso (ESP/Renault), 1min21s422 (27)
11º. Kamui Kobayashi (JAP/Toyota), 1min21s960 (22)
12º. Jaime Alguersuari (ESP/Toro Rosso), 1min22s231 (25)
13º. Romain Grosjean (FRA/Renault), 1min22s477 (23)
14º. Jenson Button (ING/Brawn), 1min22s504 (12)
15º. Sebastian Vettel (ALE/Red Bull), 1min24s645 (12)
16º. Heikki Kovalainen (FIN/McLaren), 1min25s052 (11)
17º. Lewis Hamilton (ING/McLaren), 1min25s192 (11)
18º. Nick Heidfeld (ALE/BMW), 1min25s515 (11)
19º. Giancarlo Fisichella (ITA/Ferrari), 1min40s703 (3)
20º. Vintantonio Liuzzi (ITA/Force India), sem tempo*

Os detalhes do longo e conturbado treino estão aqui.

Fonte: Tazio
Foto: Bruno Domingos/Reuters

Cinco títulos, cinco vices e três dobradinhas foi o saldo da Kart Mini na 11ª Copa Brasil de Kart


144 pilotos, 47% deles utilizando os chassis da fábrica. Cinco títulos, cinco vices, três dobradinhas e os seis primeiros colocados em uma categoria. Este foi o saldo – mais que positivo – da Kart Mini ao final da disputa da 11ª edição da Copa Brasil, segundo campeonato mais importante do kartismo brasileiro. O evento foi disputado na última semana em Lauro de Freitas (BA), no Kartódromo Ayrton Senna.

A Kart Mini esteve representada por 68 pilotos e conquistou os títulos nas categorias Graduados B, Sênior B, Super Sênior, Super F4 e Novatos.

Na Super F4 o domínio da Kart Mini foi completo e os seis primeiros colocados competiram com chassis da fábrica. Mário Dantas Filho foi o campeão, com Luiz de Sena em 2º. Valdemiro Oliveira foi o 3º, Flávio Cruz o 4º, Paulo Ferrari Jr. o 5º e Paulo Cunha o 6º.

A categoria Novatos também teve forte domínio dos pilotos Kart Mini e, dos 10 primeiros colocados, sete deles valeram-se dos chassis da fábrica para competir. Bruno Ferreira foi o campeão, enquanto que João Resegue terminou em 3º, seguido por Renan Papareli em 4º e Rafael Ferreira em 5º. Yuri Carvalho foi o 7º, Felipe Donato o 8º e Eric Martins o 9º, os três com Mini.

Os pilotos Kart Mini garantiram uma dobradinha para a fábrica na categoria Sênior B, que viu Felipe Neira (1º) e Sérgio Simão (2º) nos dois primeiros lugares do pódio. Luiz Moura (4º), Célio Oliveira (5º) completaram os pilotos Mini no pódio e Thomaz Fae finalizou em 7º.

Atual Campeão Brasileiro da Super Sênior, Renato Russo garantiu mais um título nacional para a Kart Mini, vencendo na categoria Super Sênior, em dobradinha com Valdemiro Oliveira, o vice. Guildner Carvalho (4º) e Euvaldo Luz (6º) também competiram com Mini na categoria.

Outra categoria onde a Kart Mini conquistou o título foi a Graduados B, vencida por Vinícius Perdigão. Felipe Fraga foi o 4º, Jean Paturle o 7º, Matheus Laba o 10º e Matheus Vieira o 11º, todos com Kart Mini.

Os pilotos Kart Mini também se saíram bem na categoria Sênior A e, dos cinco primeiros ao final da competição, quatro estavam com o chassi da fábrica. Fernando Leme ficou com o vice, enquanto que Alessandro Xavier foi o 3º, seguido por Marcello Meneghel em 4º e Rodrigo Piquet em 5º. Maique Papareli foi o 7º e Franklin Maiolino o 8º.

Na Júnior Menor o vice-campeão, Léo Gimenes, competiu com chassis Kart Mini, da mesma forma que Cayan Chianca (5º), Olin Galli (6º), Ariel Varella (8º) e Flávio Matheus (10º).

Seis pilotos que utilizaram Kart Mini terminaram entre os dez primeiros colocados na categoria Júnior e o melhor resultado foi de Ítalo Leão, o 3º. Depois dele se classificaram Edson Jr. (4º), Gabriel Casagrande (6º), André Pedralli (7º), Jean Aguiar (8º) e Adrielle Sabarin (9º).

Na Cadete vários pilotos competiram com Kart Mini e quem comemorou o melhor resultado foi Matheus Jacques, que na soma dos pontos terminou em 3º na Copa Brasil.

E na Mirim seis pilotos competiram com Kart Mini na Copa Brasil: Eugen Gotze foi o 5º, João Coqueiro o 8º, Victor Uchôa o 9º, João Pedro Custódio o 13º, Juan Neto o 16º e Guilherme Teixeira o 17º.

Texto: Kart Gaúcho Assessoria de Comunicação – Erno Drehmer
Foto: Léo Wiebusch

Carro da Copa Renault Clio em exposição no Shopping Center Breithaupt, em Jaraguá do Sul


A equipe 66 Motorsports, em parceria com o Shopping Breithaupt, expõe o Clio de competição para os fãs de Automobilismo

Inovando sempre, o Shopping Center Breithaupt, em Jaraguá do Sul (SC), traz uma ótima oportunidade para quem gosta de automobilismo, em conhecer de perto um carro de competição da categoria nacional Copa Renault Clio. Em parceira com o piloto Almir Morales, através da equipe 66 Motorsports, o carro ficará exposto no piso térreo do shopping do dia 15 ao dia 18 de outubro.

A competição é um campeonato nacional de automobilismo disputado em vários países. No Brasil, denominada Copa Renault Clio, a modalidade terá a realização da sétima etapa na cidade de Curitiba no dia primeiro de novembro próximo, com início às dez horas, corrida que terá a participação da Equipe Jaraguaense 66 Motorsports com o carro que você poderá conhecer na exposição. A prova também será transmitida pelo canal ESPN Brasil.

Contatos com a equipe 66 Motorsports poderão ser feitos através da assessoria de imprensa, pelo fone 47-9618.6580 ou pelo e-mail almir66@pop.com.br. Para mais informações sobre a Copa Renault Clio, acesse www.coparenaultclio.com.br.

Fonte: Revista Talento & Motor - Claudio Hreczuck
Foto: Divulgação

sexta-feira, outubro 16, 2009

Adversários afoitos atrapalham e Artur Fortunato termina em 9º na Copa Brasil de Kart


Existem competições em que o resultado não reflete o que um piloto fez dentro de uma pista e esta constatação pode muito bem se aplicar à atuação do paulista Artur Fortunato (Dahruj/ Brasilinvest/ Jornal Todo Dia/ ONS Motorsport) na 11ª edição da Copa Brasil de Kart.

O evento foi realizado na última semana na Bahia, em Lauro de Freitas, no Kartódromo Ayrton Senna, e Fortunato foi o 9º colocado na categoria Júnior Menor. “O Artur fez um belo campeonato, esteve entre os primeiros nos treinos, liderou um deles e nas corridas esteve bem”, avaliou Onassis, da ONS Motorsport, equipe de Artur. “O problema é que a categoria, que está muito rápida e evoluída, ainda tem alguns pilotos um pouco mais imprudentes e desta vez eles atrapalharam o Artur”, constata.

Na primeira corrida das duas que compuseram a Copa Brasil Artur Fortunato foi o 10º e na segunda ele terminou em 7º. Nas duas provas Artur Fortunato esteve bem mais à frente no posicionamento na pista, mas as tentativas de ultrapassagens dos concorrentes mais afoitos o impediram de obter melhores resultados.

De qualquer forma, a atuação de Artur Fortunato rendeu-lhe elogios de seu preparador. “Ele evoluiu muito do início do ano até aqui e na Copa Brasil ele não teve culpa dos resultados. Se dependesse apenas dele, o Artur teria subido no pódio. Quero agradecer aos pais do Artur por terem confiando na NOS e em nosso trabalho”, diz Onassis.

O campeão da Copa Brasil na categoria de Artur Fortunato (Dahruj/ Brasilinvest/ Jornal Todo Dia/ ONS Motorsport) foi o goiano Yago Cesário.

Fonte: Kart Gaúcho Assessoria de Comunicação – Erno Drehmer
Foto: Léo Wiebusch

Marcelo Anselmi viveu Copa Brasil de problemas e terminou em sétimo

Disputada anualmente, a Copa Brasil é o segundo evento mais importante do kartismo nacional, “perdendo” apenas para o Campeonato Brasileiro. Em sua 11ª edição, realizada na semana passada em Lauro de Freitas (BA), mais de 150 pilotos de kart de todo o Brasil estiveram participando das disputas no Kartódromo Ayrton Senna.

Dentre eles estava o paranaense Marcelo Anselmi (Blue Sky Tecnologia), que competia na Graduados A, a categoria mais importante do kartismo nacional. Piloto da Neri Motorsport, ele teve bons resultados nos treinos, que culminaram com o quarto lugar no grid de largada, a apenas 18 milésimos do pole.

A partir daí a situação se inverteu completamente, e o paranaense, que já vencera a Copa Brasil em duas outras oportunidades, acabou tendo uma incrível falta de sorte nas duas baterias da competição.

Nas duas provas ele terminou em 7º, depois de se envolver em incidentes de corrida, quando estava bem posicionado. Os incidentes o impediram de lutar pela vitória, algo totalmente viável em razão dos bons treinos que fizera. “Não foi uma boa Copa Brasil. Tínhamos total certeza de que as chances eram boas, o kart estava bom, rápido, bem acertado e com um bom motor”, lamenta o piloto. “Temos que deixar para a próxima a conquista do tri”, finaliza orepresentante Blue Sky Tecnologia.

O campeão da Copa Brasil na categoria Graduados A foi o paulista Sérgio Jimenez.

Fonte: Kart Gaúcho Assessoria de Comunicação – Erno Drehmer

F3 Sul-Americana: Lucas Foresti competirá em Interlagos neste final de semana


O piloto brasiliense Lucas Foresti (Cesário Fórmula) disputará neste final de semana, no Autódromo de Interlagos, em São Paulo, a preliminar do GP Brasil de F-1 na 7ª rodada do Sul-Americano de F-3.

Lucas, que tem se destacado nesta temporada como o estreante do ano, disputou sua última prova nas ruas do Balneário de Piriápolis, no Uruguai. Naquela ocasião, com as corridas válidas pela 11ª e 12ª etapas do Campeonato, Foresti enfrentou vários problemas e não conseguiu terminar nenhuma das duas provas. Em virtude disso o piloto caiu uma posição na classificação geral e, agora, aparece em quarto lugar, com 48 pontos conquistados.

Deixando para trás os problemas, o jovem de 17 anos terá neste final de semana a oportunidade de pilotar para um grande público e, mais do que isso, fazer uma apresentação diante dos principais chefes de equipe, empresários e “olheiros” do mundo da F-1.

Acabei de sair do kart e tenho apenas 12 corridas em minha carreira no automobilismo. Tenho perfeita noção que meu caminho rumo ao sonho de chegar à F-1 é muito longo, mas acredito muito em meu potencial e sei que fazendo belas corridas aqui terei pelo menos a possibilidade de, mais para frente, na hora certa, apresentar meu portfólio para um desses “senhores” da F-1. Darei o meu melhor para fazer duas corridas perfeitas e, como consequência deste trabalho, uma vitória seria o ideal”, comentou o piloto da equipe Cesário Fórmula.

Porém, para atingir este objetivo, Lucas terá como primeiro desafio o de se sobressair diante de seus adversários sem ao menos a possibilidade de treinar. Em virtude dos compromissos da F-1 os carros do Sul-Americano de F-3 terão a pista para suas atividades durante 30 minutos na sexta-feira, 30 no sábado e mais 30, no domingo. Assim, os organizadores acharam por bem excluir as duas sessões de treinos livres que normalmente ocorrem na sexta-feira, deixando para este dia apenas a tomada de tempos. No sábado, então, será disputada a corrida da 13ª etapa e, no domingo, a prova da 14ª etapa. Os primeiros 15 minutos da sexta-feira serão destinados à classificação da corrida de sábado e, os 15 minutos finais, para a corrida de domingo.

Numa situação destas ser parte de um time tradicional como o da Cesário Fórmula pode fazer toda a diferença. Nossa equipe tem gravados os acertos do carro para diferentes situações aqui no autódromo de Interlagos e, acredito, será de grande valia para nós. Nesta semana fiz várias horas de treinos em um simulador e acredito que nosso primeiro desafio será o de aproveitar a situação de pista emborrachada deixada pelos especiais pneus da F-1. Além disso, segundo a previsão do tempo, teremos possibilidade de chuva nos três dias o que, para todos nós, seria um ponto bastante desfavorável”, finalizou Foresti.

Confira abaixo a programação do Sul-Americano de F3 no Grande Prêmio Brasil de F-1:

Sexta-feira (16/10):
17h25 às 17h55min – Treinos classificatórios

Sábado (17/10):
16h50min – 13ª etapa

Domingo (18/10):
09h05min – 14ª etapa

Classificação do Campeonato após 12 corridas:
1) Leonardo Cordeiro (Cesário Fórmula), 87 pontos;
2) Claudio Cantelli (Bassan Motorsports), 68;
3) Yann Cunha (Razia Sports), 50;
4) Lucas Foresti (Cesário Fórmula), 48;
5) Henrique Lambert (Razia Sports), 43;
6) Nilton Molina (PropCar Racing), 40;
7) Lu Boesel (Dragão Motorsports), 40;
8) Leonardo de Souza (Kemba Racing), 30;
9) Igor Veras (PropCar Racing), 26;
10) Fernando Galera (Bassan Motorsports), 23;
11) Henrique Martins (Cesário Júnior), 7;
12) Lucilio Baumer (Baumer Racing), 2;
13) Bruno Andrade (MX Racing), 2;
14) Raphael Abbate (Cesário Júnior), 2.

Fonte: Quick Comunicação e Marketing
Foto: Roberto Castro