quarta-feira, fevereiro 29, 2012

Luiz Felipe Branquinho volta à São Paulo para correr o Light


Depois de ter participado das disputas da abertura do Campeonato Paulista de Kart, em São Paulo e, no último final de semana, ter participado da segunda etapa da Copa Verão de Kart, em Goiás, o piloto goiano Luiz Felipe Branquinho (Medcomerce / SR Racing) enfrentará, neste sábado, dia três, mais um importante desafio na categoria Júnior Menor.

No Kartódromo Aldeia da Serra, em Barueri, região metropolitana paulista, o piloto de 12 anos retornará à uma de suas pistas favoritas. Depois de ter se dedicado às competições no Kartódromo Granja Viana, em 2011, o piloto e sua equipe optaram por voltar ao Light e, com isso, às corridas na Aldeia da Serra e, também, em Interlagos, que nesta temporada receberá quatro dos 10 eventos previstos.

Porém, como no último ano o piloto não participou de competições naquela pista, seu trabalho será muito intenso nesta semana. Hoje à noite ele desembarcará na capital paulista e, então, seguirá por quatro sessões de treinos livres até o final da tarde de sexta-feira. No sábado, no início da manhã, sua categoria participará dos treinos livres e, em seguida, das duas corridas que irão compor a etapa.

Gosto muito de correr na Aldeia da Serra. O circuito é veloz, tem bons pontos de ultrapassagem e eu gosto muito. Estou acostumado a treinar em Goiânia, onde a pista é estreita e, quando chegamos aqui, a diferença é muito grande. Espero conseguir realizar uma boa preparação nos treinos livres e, na corrida, poder lutar por um lugar no pódio”.

Texto: Quick Comunicação e Marketing
Foto: Flávio Quick

Copa Classic realizará primeira reunião da temporada neste sábado


Serão apresentadas as ações para que o crescimento do grid continue

A Copa Classic RS, campeonato gaúcho de velocidade em que participam carros antigos, realizará, no próximo sábado pela manhã, a primeira reunião com seus pilotos e preparadores, embora os coordenadores já venham trabalhando incessantemente desde janeiro, na prospecção e fechamento com apoiadores para a temporada.

A reunião será realizada no templo das DKWs, de Teodoro Janusz, local com um fantástico acervo de carros da marca e peças históricas, inclusive a DKW com a qual Teodoro participa da competição, recentemente utilizada por Francisco Feoli e Roberto Giordani, na preliminar das 12 Horas de Tarumã 2011.

Dentre os assuntos a serem tratados, serão divulgados os apoiadores fechados para temporada 2012, com a presença de um deles, a Autoplast, através do seu representante Carlos Henrique, que fará uma palestra explicando as propriedades e vantagens do lubrificante aditivo da marca, que possui PTFE (teflon), elemento que tem o poder de diminuir o desgaste e até mesmo aumentar a potência do motor. Os carros da Copa Classic utilizarão o produto durante a temporada.

Será apresentado, também, o calendário da competição e o seu regulamento 2012 (cuja única mudança foi a divisdão da categoria FL em até 2000cc e acima), que já está homologado pela FGA e deverá ser publicado ainda esta semana. O regulamento não teve alterações substanciais devido às mudanças já efetuadas em 2011 terem possibilitado o crescimento consistente do grid, de 12 para 28 carros.

Já na próxima semana deverá ser feito o anúncio oficial, detalhado, de todos os apoiadores da temporada, que até o momento são Zé Pneus, Zago Radiadores, Autoplast, Janaína Crescente e Duar.

Fonte: Assessoria Copa Classic RS
Foto: Erlon Radl/Automobilismo Online

Gabriel Paturle volta ao Light com apoio da Techspeed


Depois de ter feito a sua estreia na categoria Júnior Menor, no Campeonato Mineiro de Kart, o piloto mineiro Gabriel Paturle (Techspeed | AMG | Quake2) voltará neste sábado, dia três, às disputas oficiais pela categoria Super Cadete.

O desafio deste sábado, dia três, será a segunda rodada da Copa São Paulo Light. O evento será disputado no Kartódromo Aldeia da Serra, em Barueri - Grande São Paulo, e assim como no evento de abertura, no início deste mês, a previsão é de que mais de 140 pilotos estejam inscritos.

Muito dedicado e tendo grande confiança no trabalho que ele e sua equipe estão desenvolvendo, Gabriel acredita que já neste final de semana poderá lutar pela sua primeira vitória do ano. Para isso, ele e seu time darão início aos treinos nesta quarta-feira (29) e prosseguirão com os preparativos para a prova até na tarde de sexta-feira, quando serão realizados os treinos oficiais, já com os propulsores fornecidos pela organização.

As baterias oficiais serão ambas disputadas no sábado, que é um dia separado apenas para as atividades oficiais. Os karts entrarão na pista apenas na parte da tarde para tomada de tempos e, em seguida, as duas baterias.

Estamos muito animados para mais esta rodada do Light. A competição está retornando à Aldeia da Serra e, com isso, competidores e equipes se sentem mais à vontade para desenvolver suas estratégias. Nos últimos dias fechamos um acordo com a Techspeed que, a partir de agora, será a fornecedora oficial de chassis para a temporada 2012 de Gabriel. Estamos torcendo por bons resultados”, comentou Fred Paturle, pai do piloto.

Texto: Quick Comunicação e Marketing
Foto: Flávio Quick

CBA implementa sistema de pontuação punitiva aos pilotos

Novo Código Desportivo do Automobilismo traz mudanças no sistema de punição a pilotos

A edição 2012 do Código Desportivo do Automobilismo (CDA), documento que rege o esporte a motor no país, traz mudanças em vários aspectos, principalmente na criação de um sistema de pontuação punitiva aos pilotos, que será registrada na matrícula da cédula desportiva junto a CBA.

Esta medida visa buscar a diminuição de infrações de pilotos durante a realização de provas oficiais. Até a temporada passada eram utilizadas punições pecunárias ou apenas desportivas, que acabavam por não surtir o efeito desejado em muitos casos.

O CDA prevê a suspensão de 90 dias ao piloto que atingir 25 pontos no período de 12 meses seguidos. Foi elaborada uma tabela com diferentes infrações e pontuações que serão aplicadas em todas as competições oficiais no Brasil, sejam elas de nível regional ou nacional.

A tabela de pontuação é a seguinte:
Penalização / Pontuação
Drive-Through, Stop and GO e Time Penalty - 0 pontos
Advertência Verbal - 1 ponto
Advertência por bandeira ou escrita - 2 pontos
Multa ou penalização com acréscimo de tempo - 3 pontos
Não comparecimento ao Briefing - 4 pontos
Exclusão ou desclassificação - 6 pontos

Em provas de nível regional as federações passarão a ocorrência de punições com pontuação à CBA, que incluirá no registro do piloto a pontuação aferida. Esta regra será aplicada a todas as categorias que disputam provas oficiais no Brasil. Para saber mais, o CDA está disponível para download no www.cba.org.br.

Fonte: Erlon Radl - Assessoria Federação Gaúcha de Automobilismo

terça-feira, fevereiro 28, 2012

Miguel e Guilherme Fernandes estrearam com pódio na Copa Noturna da Amizade


Em seu primeiro ano no esporte, irmãos já conquistaram três pódios consecutivos

Os irmãos Miguel e Guilherme Fernandes (Colégio Ivanoff | Vagabond´s | Acrilmax), da categoria Mirim, continuam colhendo os frutos de sua boa preparação na última temporada. Estreantes no kartismo, os meninos voltaram a subir no pódio, pela terceira vez consecutiva, agora na prova que abriu a Copa Noturna da Amizade, disputada no último sábado (25) no Kartódromo Aldeia da Serra.

Os meninos vinham de duas participações na Copa Verão, realizada também em Aldeia da Serra, e enfrentaram bem a estreia em uma competição com um grau mais elevado de dificuldades. "Estávamos receosos em colocá-los nesse campeonato, já que os meninos que participam são mais competitivos. Como o Miguel e o Guilherme estão começando e têm pouco tempo de kart, ficamos em dúvida", diz Claudio Fernandes, pai dos meninos.

O traçado usado nesta corrida foi diferente do que Miguel e Guilherme estavam acostumados, pois os organizadores optaram por um novo. Mas, para surpresa da equipe, eles se adaptaram rapidamente. "Era um traçado, mais rápido, onde eles nunca haviam treinado. Mas a adaptação deles foi muito rápida", surpreendeu-se "Toninho", da Ribeiro Competições, preparador dos meninos.

Assim como na Copa Verão, a prova reuniu pilotos das categorias Mirim e Cadete e teve classificação em separado. O grid de largada foi definido pelo resultado geral da tomada de tempos e os meninos apoiados pelo Colégio Ivanoff, Vagabond´s e Acrilmax tiveram bela atuação, mantendo um ritmo de prova mais rápido que a própria tomada de tempos.

E o resultado final mostrou Miguel em 4º lugar e Guilherme em 5º na Mirim, fazendo com que os irmãos subissem ao pódio mais uma vez. "Ficamos, novamente, muito contentes. Eles estão evoluindo rápido e encarando desafios de acordo com esta evolução", disse Claudio Fernandes, que criou a equipe CF Motorsport com o intuito de gerenciar a carreira de Miguel e Guilherme. "E estão se saindo bem, conquistando pódios nas três corridas de que participaram", finaliza.

Texto: KG COM Assessoria de Comunicação - Erno Drehmer

Programa Competição, seguindo com a cobertura da festa de premiação do automobilismo catarinense





Copa Verão foi encerrada em Itu, no Kartódromo Arena Schincariol, com 63 karts


Neste domingo (26) o Kartódromo Arena Schincariol, em Itu, interior de São Paulo, recebeu pilotos e equipes para as disputas da segunda e última etapa da Copa Verão de Kart. Em um dia de muito calor, que foi encerrado com uma tradicional chuva de verão, 63 competidores participaram da prova distribuídos entre as categorias Cadete, Júnior, F4T, Stock125 e Sênior.

O público foi muito bom e movimentou as arquibancadas do Arena Schincariol. Na pista, as disputas foram muito emocionantes e proporcionaram um belo domingo de velocidade para a população. Através de uma parceria com a empresa DriftBr entre as baterias aconteceram apresentações de drift, com alguns dos pilotos mais talentosos do Brasil. Mereceu destaque a participação de alguns carros japoneses que, inclusive com volante do lado direito, chamaram muita atenção por sua força e beleza.

Conforme anunciado, a organização da Copa Verão conseguiu o apoio de renomadas empresas e, também com o aumento no número de competidores, foi possível oferecer vários prêmios entre os pilotos e as equipes. A equipe que inscreveu o maior número de pilotos na etapa recebeu R$ 2 mil, a segunda R$ 1 mil e a terceira, R$ 500,00. Além disso, dentre os pilotos da Cadete foi sorteado um motor Honda, modelo GX-160, oferecido pela Porto Feliz S/A, Agraupe e Stock Racing. Para os competidores da F4T o sorteio foi do motor modelo GX-390, oferecido pela Agraupe e Cuca Preparações. Por fim, para os pilotos da Stock 125, foi sorteado um jogo de carenagens, oferecido pela Gil Karts.

Ficamos muito felizes com o sucesso que alcançamos com esta Copa Verão. Desde que assumimos a administração do Arena Schincariol este foi, sem dúvida, nosso maior evento regional. Contamos com a participação de pilotos que costumeiramente participam de provas na Granja Viana, Aldeia da Serra e até mesmo em outros estados, como Minas Gerais e Rio de Janeiro. Da primeira para a segunda etapa tivemos um crescimento de 40% no número de competidores o que, certamente, nos deixou a certeza de que o caminho trilhado foi o correto. Queremos agradecer muito a confiança dos patrocinadores que nos apoiaram através da premiação para os pilotos. Foram eles: Porto Feliz S/A, Agraupe, Stock Racing, Cuca Preparações e Gil Karts”, finalizou Eduardo Gozzano, diretor do Ituano Motor Sport Club.

Batalhas acirradas em todas as categorias

Na pista as corridas começaram no início da tarde e foram bastante movimentadas. Com um alto nível técnico e grande competitividade, os pilotos tiveram de trabalhar muito para conseguirem se destacar e vencer as corridas.

Na Cadete a vitória ficou com Guilherme Romano Peixoto que foi seguido de perto por Renato Massambani. O terceiro lugar ficou com Diego Ramos. Na Júnior a vitória foi de Fábio, seguido por Edson Packer e Matheus Dias.

Seguindo o domingo de competições a categoria Shifter também participou da prova e teve vitória de Paulo Quieregatto. A segundo posição ficou com Carlos Quieregatto e o terceiro foi para Eric Tinoco.

A Graduados teve uma bela disputa pela liderança que acabou ficando nas mãos de Norberto Neto. Ele foi seguido por Guilherme Soares, que chegou em segundo e Matheus Hiorio, o terceiro. A classe Stock125 foi dividida entre as categorias Sênior “A” e “B” e, pelo regulamento, foi a única a competir duas vezes. Na classe “A”, na primeira corrida, as vitórias foram de Gustavo Vieira, seguido por Enri Hobers e João Roberto. Na segunda bateria o vencedor foi João Vieira trazendo Gustavo Vieira em segundo e Rodrigo Soares, em terceiro. Pela categoria “B” o resultados das duas corridas foi o mesmo com Lauro Cesar queluz em primeiro, seguido por Leonardo e Nilton Carlos Dagne.

A grande atração desta Copa Verão de Kart, porém, foi a categoria F4T. 31 pilotos alinharam seus karts na pista, dentre eles até mesmo o Campeão Brasileiro Alberto Catucci, que largou da pole-position. A corrida foi muito movimentada. Com tantos pilotos na pista os toques foram inevitáveis e vários karts rodaram. A cada freada várias ultrapassagens aconteciam e, nos boxes e arquibancada, o público ficou de pé para acompanhar as disputas. Depois de 22 voltas a vitória ficou com o piloto Bruno Lima seguido por Oscar Alves Neto, em segundo e Nelsinho Stanisci, em terceiro.

Os resultados completos desta segunda etapa da Copa Verão de Kart assim como todas as notícias do Kartódromo Arena Schincariol podem ser acompanhadas no site da pista. Lá também é possível acessar os regulamentos, adendos, horários, calendários e classificação. Acesse: kartodromoschincariol.com.br.

Fonte: Quick Comunicação e Marketing
Foto: Fabíola Cadar

domingo, fevereiro 26, 2012

Definido o calendário de 2012 do Campeonato Pelotense de Kart F4


O Campeonato Pelotense de Kart F4 já tem seu calendário para a temporada de 2012 definido. A competição inicia em abril, no dia 29, e se estende até outubro, no dia 28, quando acontece a sexta e última etapa

Nos próximos dias deve ser divulgado o regulamento técnico e desportivo do certame. Antecipando algumas novidades, o campeonato passa a ter seus grids 100% invertidos entre cada uma das três baterias programadas para a etapa, para cada categoria - exceção feita à categoria Novatos, que disputa apenas duas baterias por etapa. Outra novidade deve ocorrer na pontuação, valorizando ainda mais a vitória nas provas.

As primeiras expectativas dão conta de que 28 pilotos participarão da edição de 2012 do Campeonato Pelotense de Kart F4, divididos nas categorias F4 Super, F4 Sênior, F4 Light e F4 Novatos. Tal como no ano passado, os interessados em disputar a categoria F4 Novatos - que tem por objetivo promover a formação de novos pilotos para o certame local - podem entrar em contato com Rogério Paiva, pelo fone (53) 9104.1983, que disponibiliza a locação de todo o equipamento necessário, bem como assistência de pista.

As provas são realizadas no Kartódromo da APA (Associação Pelotense de Automobilismo), localizado na Av. Leopoldo Brod, 4901, em Pelotas (RS). O campeonato é promovido pelo Rogério Paiva (Moto Show Preparações), e conta com a supervisão da Federação Gaúcha de Automobilismo.

Veja o calendário completo da competição:

1ª etapa - 29/Abril
2ª etapa - 10/Junho
3ª etapa - 08/Julho
4ª etapa - 05/Agosto
5ª etapa - 30/Setembro
6ª etapa - 28/Outubro

Após o término do Campeonato Pelotense de Kart, o Kartódromo da APA sediará a tradicional prova festiva, que marca o encerramento da temporada do kartismo na cidade. Em 2012, o evento acontecerá no dia 24 de novembro, um sábado.

Vídeo: acidente múltiplo na volta final da Nascar Nationwide Series, em Daytona

Nelsinho Piquet lidera corrida em Daytona pela primeira vez na carreira


Brasileiro larga na primeira fila, mas acaba envolvido em acidente nas voltas finais

Daytona, 24 de fevereiro de 2012 - Em sua estreia pela equipe Turner Motorsports na Nascar Truck Series, Nelsinho Piquet pela primeira vez na carreira liderou uma corrida em Daytona.

No fim da corrida, porém, ele acabou atingido em um acidente que envolveu 11 competidores e inclusive provocou bandeira vermelha interrompendo a prova, que teve público de cerca de 60 mil pagantes. Assim terminou a etapa de abertura da temporada apenas no 20º lugar.

"Daytona é assim mesmo, uma corrida lotérica. É emocionante para o público que vê os trucks andando todos colados durante as cem voltas. Mas muito imprevisível para os pilotos, já que todos estão sempre com o pé cravado e o risco de batidas é enorme. Basta ver que dos 36 que largaram só a metade, 18, conseguiu terminar. Desde o início sabíamos que era uma corrida de sobrevivência e não deu para sobreviver até o final infelizmente", avalia o brasileiro.

Se o final da jornada foi decepcionante, o início foi um tanto promissor. Piquet Jr. classificou o Chevrolet Silverado número 30 na "outside pole", como é conhecida na Nascar a segunda posição do grid. Nas suas últimas dez corridas na categoria, ele largou sete vezes no top-10, sendo que quatro delas foram entre os três melhores.

"Foi bom ter classificado forte novamente. Mas principalmente a experiência de dividir a primeira fila com o Miguel Paludo foi incrível. Isso mostra que os brasileiros são competitivos na Nascar, que viemos para buscar vitórias e não apenas participar das competições."

Largando pela linha de fora, Nelsinho não conseguiu acompanhar Pauldo e James Buescher (o outro companheiro dos brasileiros na equipe Turner). Com as picapes muito coladas na linha interna, ele perdeu posições até achar uma brecha no melhor traçado.

"Então optamos por ficar mais no fundo do pelotão, para conservar o equipamento e ter alguma margem para desviar em caso de acidentes". O plano funcionou até a 62ª volta, quando houve a quarta bandeira amarela da noite.

Na relargada, partindo do 13º lugar, ele conseguiu ultrapassar todos que vinham à frente em uma volta, para assumir a dianteira no giro 68. "O Miguel estava por perto na pista naquela hora e andou no meu vácuo. Passamos todos com certa facilidade, o que mostra o quanto nossos trucks estava rápido para Daytona", conta Piquet Jr.

Após passar 15 voltas na liderança, ele teve problemas durante uma relargada e novamente caiu para o meio do pelotão. Nelsinho disputava a primeira posição e tinha atrás de seu truck o do companheiro James Buescher. Para evitar turbulência e permitir a aproximação do colega, ele abriu um pouco a trajetória numa das curvas. Mas o americano não fez a mesma leitura da manobra e tentou a ultrapassagem por dentro, obrigando Piquet Jr. a subir para a parte mais externa da pista -o que comprometeu definitivamente sua corrida.

No final, com todos os competidores muito agressivos, a prova teve três prorrogações (já que as regras da Nascar favorecem o final da corrida sob bandeira verde). Na segunda delas houve o "big one" que encerrou a corrida de Nelsinho Piquet.

"Claro que não foi o desfecho que esperávamos, mas dá para sair daqui otimista em relação à temporada. A Turner fez um excelente trabalho e tínhamos os melhores trucks aqui hoje. Se o equipamento para pistas curtas e intermediárias for equivalente ao daqui, vamos estar sempre entre os cinco primeiros", conclui o piloto.

Nelsinho somou 23 pontos na corrida inaugural e está em 20º no campeonato. A próxima etapa da Truck Series é a corrida em Martinsville, no dia 31 de março. Antes disso ele disputa, no dia 17, a prova de abertura da K&N East Pro Series em Bristol -para isso, já nesta segunda tem um teste marcado com o equipamento que usará no oval do Tennesse.

Texto: Luís Ferrari

sábado, fevereiro 25, 2012

Vídeo: Miguel Paludo bate forte em Daytona, na abertura da Nascar Truck Series

Audi DTCC: Decidida na última volta, primeira etapa termina com vitória de Elias Júnior


Temporada de 2012 começou com calor e pista seca em Interlagos. Segunda prova será realizada a partir das 16h10 deste sábado

A prova que abriu a temporada 2012 da Audi DTCC foi disputada na manhã deste sábado no autódromo de Interlagos, em São Paulo. Com uma inversão de forças no grid ocasionada pela chuva que prejudicou os favoritos na classificação de sexta-feira, o que se viu nesta primeira prova foi um verdadeiro festival de ultrapassagens.

Dessa maneira, a liderança passou por quatro pilotos. O pole position Fábio Vianna se manteve na ponta durante as primeiras voltas. Depois foi a vez de Idenis Souza liderar e ser ultrapassado por Décio Rodrigues. A decisão do vencedor, no entanto aconteceu apenas na última volta.

Rodrigues liderava quando Elias Júnior, que largou na 16ª posição, conseguiu a ultrapassagem na ‘Descida do Lago’. Na mesma manobra, Willians Farias se aproveitou para conquistar a segunda posição, deixando Ribeiro com a terceira posição no pódio.

"Cometi um erro na freada para a curva do Lago e perdi o traçado ideal. Com isso o Elias teve espaço para colocar o carro pelo lado de dentro e o Willians, que vinha muito perto, se aproveitou. Ele estava bem colado no carro do Elias, então se eu tentasse me defender ali, acabaríamos batendo", comentou Décio.

Elias Júnior, que estreia no DTCC depois de ter passado por categorias como a Stock Car Light e o GT3, destacou o equilíbrio dos carros e creditou parte do bom desempenho nesta corrida inicial à largada - que o permitiu ganhar 10 posições na primeira volta.

"Tive um pouco de sorte, porque quando o farol de largada apagou, parece que o pessoal da frente deu uma bobeada e consegui ganhar várias posições. Tanto que fechei a primeira volta em sexto", comentou Elias. "A partir dali fui buscando crescer na corrida, que foi bem disputada e bem bacana. Fiquei surpreso com o equilíbrio dos carros, todo mundo andou lado-a-lado e isso tornou a corrida muito equilibrada", completou.

O segundo colocado, Willians Farias, também saiu do pelotão intermediário para concluir a prova no pódio. "Uma corrida é sempre difícil quando a gente larga em 13º. Minha expectativa inicial era terminar o mais para frente possível, mas no final consegui ficar entre os três primeiros e pular para segundo na última volta. O carro estava bem equilibrado, não tive grandes problemas nas ultrapassagens e isso foi fundamental para o resultado", comentou o piloto.

A rodada deste final de semana terá uma segunda corrida ainda neste sábado. Os pilotos voltam à pista a partir das 16h10 para a segunda prova do dia. Nesta, o grid de largada é formado a partir do resultado da primeira corrida com os seis primeiros colocados partindo em ordem invertida - o que coloca Marçal Mello e Elias Azevedo na primeira fila.

Confira como terminou a primeira prova:

1) Elias Jr., (14 voltas) 28:18.631
2) Willians Farias, a .389
3) Décio Rodrigues/Dennis Rolim, a .601
4) Caito Viana/Idenis Sousa, a 4.914
5) Elias Azevedo, a 6.384
6) Vanue Faria, a 11.435
7) Pedro Queirolo, a 11.747
8) Adolpho Rossi, a 11.849
9) Marcello Sant'anna, a 14.377
10) Fábio Vianna, a 14.926
11) Wagner Amorim, a 19.306
12) Felipe Gama, a 28.400
13) Rogerio Garrubo, a 30.415
14) Caê Coelho/Antonio de Luca, a 36.698
15) Henry Visconde/Ricardo Landi, a 38.276
16) Herbert Heinen, a 48.365
17) Mayara Bianchi/Rodolfo Toni, a 2 voltas
18) Alline Cipriane/Leandro Florenzo, a 13 voltas
Melhor Volta: Daniel Willian (25), 1:59.316 (média de 130,011 km/h), na 2ª volta

Texto: Inova Comunicação - Rafael Durante

Nascar: Miguel Paludo é o novo recordista de liderança em Daytona


Após conquistar a primeira pole brasileira, Paludo também cravou o recorde de voltas na liderança em Daytona; primeira vitória, no entanto, escapou após forte acidente a 300 km/h, do qual o brasileiro saiu ileso

Depois de fazer história ao cravar a primeira pole brasileira em uma divisão nacional da Nascar, o piloto Miguel Paludo (Duroline) voltou a ser protagonista na corrida da Truck Series disputada na noite de sexta-feira e encerrada na madrugada deste sábado, horário de Brasília.

O gaúcho permaneceu na liderança por 54 voltas, novo recorde da Truck Series em Daytona, e esteve perto de sua primeira vitória na categoria. Um forte acidente, no entanto, fez com que o brasileiro abandonasse a corrida a 15 voltas do fim, quando estava em segundo lugar, logo atrás Nelsinho Piquet em primeiro - os dois dividiram a primeira fila.

"Foi o acidente mais impressionante de minha carreira e fico muito feliz em escapar ileso, mostrando a incrível segurança do carro e das pistas da Nascar", disse Miguel. "Vi que o impacto seria forte e só tive tempo de tirar as mãos do volante e esperar a batida", completou.

Paludo virou um passageiro de sua picape depois de perder de maneira inesperada o ar lateral em seu carro, que ajuda a dar aderência e estabilidade para que os pilotos andem agrupados a mais de 300 km/h nas curvas e retas do velocíssimo oval de Daytona.

"Meu carro estava perfeito: andei na frente praticamente a corrida toda e vinha controlando bem o ritmo. Na parte final, quando andamos juntos (os três carros da equipe Turner Motorsports estavam entre os três primeiros), minha picape começou a sair muito de traseira. Mesmo assim, era algo que dava para contornar, mas, quando fiquei sem o ar lateral, o carro ficou totalmente sem aderência e fui direto para fora da pista. Não havia o que fazer", lamentou Paludo.

Apesar de não completar a corrida, o brasileiro ficou bastante satisfeito com o desempeho no final de semana.

"É claro que não queria terminar a noite assim, ainda mais com um acidente tão forte. Mas provamos que vamos andar forte neste ano, fazendo a pole, liderando o maior número de voltas e batendo o recorde em Daytona. Fico mais feliz com esta performance do que com a minha própria corrida do ano passado, por exemplo", diz Paludo, citando sua estreia na mística pista norte-americana com um quarto lugar em 2011.

A próxima etapa da Nascar Truck Series será no dia 31 de março, em Martinsville. O site www.miguelpaludo.com.br traz mais informações, fotos e vídeos das corridas de Paludo. Para acompanhar notícias em tempo real, siga no twitter @miguelpaludo (o oficial do piloto).

Fonte: RF1 Jornalismo Ltda
Foto: CIA Stock Photo

João Pedro Custódio viveu novas experiências em Homestead pela 2ª etapa do Florida Winter Tour


Ricardo Legree, Custódio, Roberto "Pupo" Moreno e Gustavo Bandeira em Homestead

Goiano anuncia que não disputará a Copa das Federações no Espírito Santo

A participação do goiano João Pedro Custódio (Pivot Máquinas Agrícolas e Sistemas de Irrigação | Ford - Navesa | AGEL - Governo de Goiás | Kart Mini | Sport Wear by ULV | Mittag Competições) na 2ª etapa do Florida Winter Tour, disputada no último final de semana em Homestead, nos Estados Unidos, foi repleta de novas experiências, dentro e fora da pista.

As experiências inéditas começaram logo na viagem até os Estados Unidos, quando o vôo que levava João Pedro até a Flórida fez uma escala em Manaus (AM). Assim, o piloto pôde ver de muito perto a grandeza do Rio Amazonas e a beleza do encontro das águas escuras do Rio Negro com as águas barrentas do Solimões. Na volta, outra escala, agora no Panamá, oportunizou a Custódio conhecer o sistema usado no famoso canal que permite ligar o Oceano Atlântico ao Pacífico.

Já em Homestead João Pedro pôde ainda conhecer a pista oval usada pela Fórmula Indy e pela Nascar, e no kartódromo, assim que chegou, o goiano tratou de ambientar-se ao traçado. João Pedro evoluiu a cada entrada na pista nos treinos livres e sua rápida adaptação permitiu a ele se classificar de forma direta, sem passar pela repescagem, para as finais das duas rodadas duplas da competição, que reuniam 54 pilotos de vários países e vários estados americanos.

João Pedro largou em 23º e 26º, respectivamente, nas duas rodadas em um grid total de 40 pilotos, o maior de que o jovem piloto goiano participou em sua carreira. Na primeira corrida de sábado João Pedro já assumira o 13º lugar quando a quebra da corrente de seu kart provocou seu abandono. Largando das últimas posições na Final de sábado, ele já estava entre a "turma dos 30" na primeira volta, quando um acidente com um concorrente na quarta curva provocou novo abandono.

No domingo, João Pedro Custódio (Pivot Máquinas Agrícolas e Sistemas de Irrigação | Ford - Navesa | AGEL - Governo de Goiás | Kart Mini | Sport Wear by ULV | Mittag Competições) fez outra boa largada e, depois de partir da 23ª posição, já era o 18º nas primeiras curvas. Porém, uma estranha perda de rendimento fez com que o goiano terminasse a prova na 21ª posição. Na Final de domingo, a perda de rendimento se repetiu e mesmo depois de fazer outra boa largada, Custódio encerrou sua participação com um 23º lugar.

"Estamos muito satisfeitos com o trabalho realizado pelo João Pedro, com o apoio do nosso preparador Miguel de Oliveira, e da Legree Motorsports, nossa equipe nos Estados Unidos", declara Geovane Gonçalves, pai de João Pedro. "É um trabalho direcionado para a temporada 2013 do FWT, já que este é seu primeiro ano no kartismo americano, o que sempre é mais difícil. Ele está utilizando equipamentos novos, desconhecidos para ele e está passando por uma fase de adaptação, tradicional no esporte. A grande maioria de seus concorrentes conhece as pistas do FWT desde o ano passado, ou muito mais, no caso dos americanos", completa.

No próximo mês João Pedro voltará ao Florida Winter Tour, para a disputa de sua terceira e última etapa, que será realizada em Ocala. "Assim encerraremos nossa programação no exterior para este primeiro semestre e voltaremos aos Estados Unidos no final do ano para o Skusa", afirma Geovane.

Copa das Federações - João Pedro Custódio não disputará a Copa das Federações, que será realizada em março no Espírito Santo. Apesar de ter sua vaga garantida e divulgada oficialmente por ter se classificado através da Copa Centro-Oeste, a Federação de Automobilismo de Goiás (FAuGO) não aceita a inscrição de Custódio.

"A FAuGO alega que o campeonato não foi encerrado, mas a lista de classificados pela Copa Centro-Oeste já foi divulgada oficialmente. A federação alega ainda que apenas o Campeonato Goiano ofertava vagas para a Copa das Federações", conta Geovane Gonçalves.

Mesmo assim, João Pedro ainda poderia participar da Copa das Federações por ter conquistado vaga no Campeonato Sul-Brasileiro através da desistência do campeão da categoria Super Cadete. "Hoje o João Pedro já é da categoria Júnior Menor e ele teria que participar da Copa pela Cadete. Isto, somado aos transtornos causados pela posição da FAuGO, nos fez desistir de disputar a Copa. Buscaremos classificação para 2013 pela Júnior Menor", finaliza.

Texto: KG COM Assessoria de Comunicação - Erno Drehmer

sexta-feira, fevereiro 24, 2012

Uracer fecha apoio ao Audi DTCC e será fornecedora oficial de uniformes e macacões dos pilotos

Loja móvel da Uracer, com as melhores marcas do automobilismo, também estará presente em todas as etapas de 2012

A Uracer - loja mais completa do automobilismo nacional, com as principais marcas e grifes 100% oficiais do esporte - dá a largada para mais uma temporada com uma grande novidade. A loja será uma das apoiadoras do Audi DTCC - Driver Touring Car Cup, que terá inicío neste final de semana (25 e 26), no autódromo José Carlos Pace, Interlagos (SP).

"Seremos fornecedores oficiais de todos os uniformes das equipes e macacões dos pilotos. Estamos muito felizes e honrados com este acordo. Ele também marca o lançamento dos macacões antichamas da Uracer, que acabam de chegar ao mercado, com homologação da FIA e toda a tecnologia e segurança para a prática do esporte em um campeonato de alto nível como o DTCC", declara Ely Behar, sócio da Uracer.

A loja também estará com o seu estande móvel nas etapas do DTCC, levando ao público o que há de melhor em produtos para pilotos e fãs do esporte.

Sobre o Evento

O DTCC passou a integrar o calendário da Confederação Brasileira de Automobilismo oficialmente em 2011. O campeonato utiliza o modelo Audi A3 Turbo, com potência de 200 cavalos. Com etapas em várias pistas do país, a temporada 2012 terá transmissão da Rede TV!

Sobre a Uracer

Presente nos shoppings Center Norte e Morumbi, loja conceito em Interlagos e loja virtual (www.uracer.com.br), a Uracer conta com mais de 2 mil itens das 40 melhores marcas do segmento. São produtos para pilotos profissionais e amadores (macacões, luvas, sapatilhas, capacetes, etc) e para os fãs (bonés, camisetas, moletons, mochilas, entre outros). Todos oficiais e alguns vendidos com exclusividade no Brasil.

Texto: FGCom / Fernanda Gonçalves

Victor Hugo Matzenbacker iniciou primeira temporada na Graduados com ótimos resultados


Piloto oficial da fábrica italiana de chassis CRG, gaúcho também fez boa estreia na Shifter Júnior

Gaúcho de Passo Fundo, o piloto Victor Hugo Matzenbacker (CRG Brasil | Maxter Engines | Bengio) iniciou a temporada 2012 motivado pelos desafios de sua nova categoria, a Graduados, que reúne os pilotos "top" do kartismo brasileiro.

Em seu primeiro compromisso do ano, a 5ª edição do Super Kart Brasil, disputada no final de janeiro em Interlagos (SP), Victor Hugo acabou impedido de participar em função de divergências ocorridas em sua carteira de piloto. "Fiquei chateado por não poder correr, mas estive presente em Interlagos e acompanhei os outros pilotos da minha equipe, a CRG, que tiveram excelentes resultados e representaram a fábrica muito bem", elogiou o jovem piloto.

Na semana seguinte, no dia 4 de fevereiro, Victor Hugo efetivamente fez sua estreia na temporada, disputando a abertura da Copa São Paulo Light, novamente em Interlagos. O gaúcho surpreendeu a todos e marcou a pole position logo em sua estreia na difícil e equilibrada Graduados. "Tudo corria muito bem até o início das baterias, mas não foi possível aplicar nossa estratégia pré-estabelecida. Na quinta volta fui posto para fora da pista", reclama Matzenbacker.

Na segunda bateria, largando da última posição em razão do incidente anterior, Victor Hugo teve o cabo do acelerador de seu kart preso e, por isso, ele não conseguiu evitar o choque, que o tirou da prova precocemente. "O que parecia ser um fim de semana promissor acabou cheio de contratempos. Esses incidentes de corrida acontecem e fazem parte do esporte, o importante é que estávamos rápidos desde os treinos, culminando com a conquista da pole. O Victor Hugo pôde começar se ambientar em sua nova categoria", comenta André Matzenbacker, pai do piloto.

No entanto, o desafio maior para Victor Hugo Matzenbacker (CRG Brasil | Maxter Engines | Bengio) estava por vir. No sábado seguinte, dia 11, ele participou da abertura da Copa São Paulo no Kartódromo Granja Viana, agora estreando na categoria Shifter Júnior, que também utiliza motores de 125cc. Nesta, porém, o motor tem marchas e tração positiva nas rodas traseiras, arrancado parado, diferente do que Victor Hugo utiliza normalmente.

"Andar de Shifter era um projeto futuro e graças a equipe CRG estou tendo essa oportunidade agora no presente. O kart é fantástico, exige muito mais do piloto, não só fisicamente como em precisão na tocada. Ainda tenho muito a aprender e me ambientar", diz Victor Hugo.

Em sua estréia na difícil Shifter Júnior, Victor Hugo Matzenbacker largou da 3ª posição - a apenas dois décimos do tempo da pole - e terminou a prova em segundo. "O segundo lugar do Victor foi um excelente resultado. Ele seguiu as orientações da equipe e, por ser novato nesta categoria, salientamos para que fosse cauteloso e levasse o equipamento até o final da prova, evitando as colisões até ir se acostumando ao kart e às novas situações de pista", conta Tiago Duarte, manager da CRG Brasil.

Victor Hugo terá um ano cheio de compromissos importantes em sua nova fase no kartismo brasileiro. "O foco da equipe é estar presente nos campeonatos regionais e estaduais, onde ele correrá na Shifter Júnior e na Graduados como preparação para os principais campeonatos, tais como o Brasileiro, Copa Brasil e Sul-Americano, entre outros", revela Thiago Duarte. "O mais difícil vai ser conciliar tudo isto com os compromissos escolares, mas estou fazendo o que eu mais gosto e tudo exige da gente um pouco de sacrifício", encerra Victor Hugo.

O próximo compromisso de Victor Hugo Matzenbacker será a 2ª etapa da Copa São Paulo Light no dia 3 de março, seguido pela 1ª Copa das Federações, que será disputada entre os dias 7 e 10 de março em Serra (ES).

Texto: KG COM Assessoria de Comunicação - Erno Drehmer

Miguel Paludo é pole em Daytona, na abertura da Nascar Truck Series


Nelsinho Piquet larga em segundo e completa dobradinha brasileira inédita em um grid de uma categoria nacional da Nascar

O piloto Miguel Paludo (Duroline) fez o melhor tempo no treino classificatório do GP de abertura da temporada da Nascar Truck Series, disputado hoje, em Daytona (Estados Unidos), e largará na pole position na corrida da noite desta sexta-feira.

É a primeira pole de um brasileiro em uma divisão nacional da Nascar e, ao seu lado na primeira fila, estará Nelsinho Piquet, formando uma inédita dobradinha brasileira no grid de largada da categoria.

No ano passado, Paludo fez sua primeira temporada completa na Nascar Truck Series e, neste ano, o gaúcho está em uma nova equipe, a Turner Motorsports, com quem o brasileiro fez questão de agradecer a conquista deste momento especial em sua carreira.

"É simplesmente incrível começar o ano em uma nova equipe e já fazendo a pole position. A Turner me deu uma picape bastante competitiva e o resultado veio logo nesta primeira classificação. Desde o ano passado, me senti muito bem nesta pista (Paludo estreou com a quarta colocação no GP de 2011) e fico feliz que Daytona estará para sempre em minha carreira como o circuito onde fiz minha primeira pole na Nascar", diz Paludo.

O brasileiro destacou a dobradinha com seu compatriota e companheiro de equipe, Nelsinho Piquet. "O trabalho nosso em conjunto tem sido excelente e estamos trocando muitas informações. Com certeza esta primeira fila verde-e-amarela marcará um grande momento para o Brasil na Nascar. Vamos agora em busca da vitória", diz Paludo.

A transmissão do GP de Daytona será a partir das 22h, horário de Brasília, pelo Speed Channel. O site www.miguelpaludo.com.br traz mais informações, fotos e vídeos das corridas de Paludo. Para acompanhar notícias em tempo real, siga no twitter @miguelpaludo (o oficial do piloto).

Fonte: RF1 Jornalismo Ltda

quinta-feira, fevereiro 23, 2012

Artur Fortunato disputou Winter Cup na Itália e fez bela estreia no kartismo europeu

Piloto foi o melhor brasileiro na pista e garantiu vaga nas finais sem passar pela repescagem

Pela primeira vez competindo na Europa, o paulista Artur Fortunato (Dahruj | Brasilinvest | Jornal Todo Dia) fez bonito no Kartódromo South Garda, em Lonato, na Itália, no último final de semana. Fortunato, vice-campeão brasileiro em 2011, disputou a Winter Cup, um dos mais importantes eventos do kartismo europeu pela categoria KF3 e foi o melhor representante brasileiro na pista italiana.

Fortunato utilizou um chassi da italiana Energy e correu com motores da marca TM, em um pacote apresentado pela Veloz Management, empresa especializada em gerenciamento de carreiras e comandada pelo brasileiro Felipe Braga.

O início da competição, apesar dos bons treinos realizados, não foi bom para Artur Fortunato, que na tomada de tempos classificou-se em 68º entre 110 pilotos de sua categoria. A recuperação viria nas corridas, quando o representante de Americana, interior de São Paulo, classificou-se para as finais de forma direta, sem precisar passar pela repescagem.

"Foi um desempenho impressionante, já que há muito tempo um piloto brasileiro na fazia isso", disse José Ricardo, pai de Artur. "Todos acabam passando pela repescagem, já que o kartismo brasileiro se difere muito do europeu e a adaptação sempre é mais difícil. Mas o Artur superou isto muito bem e foi direto para as finais", completou.

A boa performance de Artur Fortunato se repetiu também em pista molhada, já que no treino de aquecimento do domingo pela manhã ele foi o 11º colocado entre os 34 finalistas nesta condição climática. Na corrida final, cujo vencedor seria declarado o campeão da Winter Cup, Fortunato chegou a ocupar a 14ª posição, mas acabou abandonando a prova. "Fiquei muito contente com esta minha primeira participação aqui na Europa. Me classifiquei direto para as finais, ‘eliminando’ pelo menos 76 concorrentes, já que apenas 34 iam para a fase final", aponta Artur Fortunato. "Mais que isto, no entanto, cheguei a estar em 14º em um grupo que iniciou com 110 pilotos. Estou mais do que satisfeito", finaliza.

Artur Fortunato (Dahruj | Brasilinvest | Jornal Todo Dia) voltou para o Brasil com uma bagagem de aprendizado muito grande. "Foram sete corridas em um grid maior que qualquer Brasileiro que já corri. Aprendi muito e espero obter resultados ainda melhores nas próximas corridas e, principalmente, aprender ainda mais", finaliza o piloto, que deverá participar de mais provas na Europa durante a temporada 2012.

Texto: KG COM Assessoria de Comunicação - Erno Drehmer

Em Daytona, Miguel Paludo estreia nova picape e equipe na Nascar Truck Series


Agora pela Turner Motorsports, gaúcho busca repetir boa performance na pista onde estreou em 2011 com a quarta colocação; treinos começam hoje e a prova será nesta sexta à noite, a partir das 22h (horário de Brasília)

Gentlemen, start your engines! A temporada da Nascar começa hoje em Daytona, nos Estados Unidos, onde Miguel Paludo, da equipe Duroline, inicia a disputa de sua segunda temporada completa na Truck Series, uma das três divisões nacionais da Stock Car norte-americana.

Ano novo, time novo. Depois de competir em 2011 pela Red Horse Racing, o gaúcho fará a temporada pela Turner Motorsports. Com a nova escuderia, Paludo também terá pela primeira vez o contato com uma picape nova, a Chevrolet Silverado. Outra novidade será que pela primeira vez dois brasileiros correrão juntos pelo mesmo time, já que Nelsinho Piquet será seu companheiro de equipe na Turner.

"Estou muito ansioso pelo inicio da temporada. Estou mais experiente na Nascar Truck Series, após ter feito algumas etapas em 2010 e o ano completo em 2011. Agora, no entanto, serão mais desafios, ainda mais com uma equipe nova, um carro novo etc. Espero que a prova de amanhã seja tão boa quanto a do ano passado", diz Paludo, citando sua estreia em Daytona em 2011, quando foi o quarto colocado.

Além da nova picape, Chevrolet Silverado, o gaúcho da equipe Duroline terá um número novo a partir de agora: o 32, acompanhando a sequência de carros da própria equipe.

Os treinos em Daytona começam a ser disputados nesta quinta-feira. Hoje já será o primeiro contato oficial de Paludo com os reforços de seu time, como o experiente chefe de equipe Mike Hillman Jr (que foi campeão da Nascar Truck Series com Todd Bodine) e Eddie D’Hondt, que fará a função de "spotter" para Paludo na corrida (ele também trabalha para Jeff Gordon na Sprint Cup).

"Adaptação será a palavra chave nestes primeiros testes. A picape com a qual vou correr é totalmente nova, não disputou nenhuma corrida. Mas é claro que não vamos começar do zero, porque eu e o time temos experiência prévia em Daytona. Por isso, estou confiante em um bom resultado em minha primeira corrida pela Turner Motorsports", diz Paludo. O Speed Channel anuncia a transmissão da corrida nesta sexta-feira ao vivo, a partir das 22h (horário de Brasília).

O site www.miguelpaludo.com.br traz mais informações, fotos e vídeos das corridas de Paludo. Para acompanhar notícias em tempo real, siga no twitter @miguelpaludo (o oficial do piloto).

Fonte: RF1 Jornalismo Ltda
Foto: Turner Motorsports

Terceira loja da Mega Kart é inaugurada próxima ao Kartódromo Granja Viana


Mooca, na capital paulista, e Guaratinguetá (SP) são as sedes das outras duas lojas da fábrica

Destaque neste início de temporada ao conquistar diversas vitórias e títulos com seu novo chassi, o MX, a Mega Kart chega com outra boa notícia para os kartistas, agora fora das pistas. A fábrica paulista de chassis e componentes para o kartismo anunciou a abertura de sua terceira loja de atendimento direto a seus clientes, agora próxima ao Kartódromo Granja Viana, o mais movimentado do Brasil.

A nova loja está localizada na Avenida João Paulo Ablas, 505, e conta com um show room para exposição dos produtos e chassis produzidos pela empresa comandada pelos empresários Waldíbio Ferraz e Marcos Ferreira. "O propósito de mais esta loja, nossa terceira, é estarmos mais próximos de nossos clientes, fornecendo a eles nossas peças e equipamentos, além de buscarmos estreitar ainda mais nosso relacionamento", dizem os empresários.

A primeira loja da Mega Kart está localizada no centro de São Paulo, no bairro da Mooca, enquanto que a segunda loja fica em Guaratinguetá, no kartódromo da cidade. Em 2012 a Mega Kart, com seu novo chassi MX, já venceu corridas em Volta Redonda (RJ), Guaratinguetá, Granja Viana e Itu (SP) e em Serra (ES).

Texto: KG COM Assessoria de Comunicação - Erno Drehmer

quarta-feira, fevereiro 22, 2012

De time novo, Piquet Jr. começa 2012 otimista na Nascar em Daytona

"Sinto a mesma confiança das minhas segundas temporadas na F-3 e GP2"

A temporada 2012 da Nascar começa oficialmente nesta quinta para o brasileiro Nelsinho Piquet. Ele tem previstos dois treinos na veloz pista de 2,5 milhas que tradicionalmente inaugura a temporada da categoria mais popular do automobilismo americano. A corrida, de 250 milhas, tem largada prevista para 22h30 (horário de Brasília) nesta sexta.

Neste ano, o brasileiro vai competir com a picape número 30 da equipe Turner Motorsports. Assim como em 2011, quando fechou sua temporada de estreia em 10º lugar no campeonato e como segundo melhor rookie (calouro) da Nascar Truck Series, ele vai guiar um Chevrolet Silverado. "Mudou apenas o fornecedor dos motores. Agora estamos com a Hendrick, que é uma das organizações mais vitoriosas da categoria", aponta o piloto.

Outra novidade para a temporada 2012 é o fato de ele poder conversar em português com o companheiro de equipe. O gaúcho Miguel Paludo, que também vai para sua segunda temporada completa na Truck Series, é um dos colegas de Piquet Jr na equipe Turner, com a picape de número 32. "Estou contente por andar com dois companheiros rápidos e jovens. Essa configuração do time vai ajudar no desenvolvimento de todos nós. Assim como o Miguel, o James Buescher teve uma temporada consistente no ano passado. Estamos bem otimistas."

"Sinto a mesma confiança dos meus segundos anos na F-3 e GP2", resume Nelsinho. Ele lembra que ao longo de toda sua carreira sempre teve como plano de desenvolvimento usar o primeiro ano numa categoria para aprendizado e então disputar o título na temporada seguinte. "Podemos repetir o plano nesta temporada. Sim, mudamos de equipe. Mas consegui trazer o principal engenheiro e dois mecânicos com quem trabalhamos em 2011. Então, quando falamos sobre quem está diretamente envolvido em funções decisivas, é praticamente o mesmo time. E isso claro me deixa muito animado."

Esta será a terceira participação de Nelsinho Piquet nas 250 milhas de Daytona. Seu melhor desempenho foi em 2010, quando terminou em sexto lugar após ter largado em 22º. No ano passado, cravou o quarto tempo na classificação, mas foi punido e precisou largar em 35º porque a caminhonete da equipe Kevin Harvick Inc estava abaixo da altura regulamentar. Na prova, ganhou diversas posições e evitou acidentes, mas foi obrigado a abandonar com o motor quebrado a 20 voltas do final.

"Daytona é uma história completamente diferente. É uma pista muito, muito rápida. A aerodinâmica faz diferença porque todos andam o tempo todo com o pé cravado e sempre muito próximos. Desse jeito, é muito mais difícil evitar uma batida. Vamos correr pensando no campeonato desde a primeira prova, dosando a agressividade. É claro que seria maravilhoso vencer a prova, mas o objetivo é competir com segurança, de olho num top-10 ou top-5", diz o piloto.

Chris Carrier, chefe de mecânicos do truck número 30 e que trabalhou com o brasileiro em 2011, concorda com a avaliação do piloto: "As corridas em superspeedways sempre têm como componentes os fatores sorte e sobrevivência. Vamos ter como meta chegar com segurança nas 10 voltas finais e, a partir daí, lutar por um resultado expressivo".

Nesta sua terceira aparição em Daytona, além de usar pela primeira vez o número 30 na Truck Series, Piquet Jr. terá um novo visual em seu capacete. A peça segue o design icônico da gota, consagrado por Nelson Piquet nas pistas de F-1, mas exibe também reproduções de fotografias de pilotos antológicos da Nascar, como Junior Johnson, Richard Petty, Dale Earnhardt Sr e Cale Yarborough. A pintura é assinada por Austin Polen.

A largada das 250 milhas de Daytona está prevista para 22h30 de sexta-feira. O canal Speed anuncia a transmissão ao vivo a partir das 22h.

Sobre a Nascar Truck Series

A Nascar Camping World Truck Series é uma das três categorias de abrangência nacional da Nascar e é disputada desde 1995 por picapes em provas que acontecem apenas em pistas ovais.

Atualmente, há quatro fornecedoras de caminhonetes para a categoria: Chevrolet, Ford, Dodge e Toyota. A temporada de 2011, vencida por Austin Dillon, foi disputada por mais de 40 pilotos. As corridas tiveram, em média, 33 mil pagantes.

A temporada de 2012 terá 22 provas. Começa nesta sexta em Daytona e termina em 16 de novembro, em Homestead (Miami).

Sobre a Nascar

Fundada em 1948 por William Henry Getty France, a Nascar (National Association for Stock Car Auto Racing) é a mais tradicional categoria do automobilismo nos Estados Unidos. É a competição profissional líder em público pagante e segunda colocada em termos de audiência na TV americana.

Ela possui três categorias de disputas nacionais, além de inúmeras outras em divisões locais, que configuram a base da cultura do automobilismo competitivo nos EUA.

A principal categoria é a Nascar Sprint Cup Series, que tem 36 provas ao longo do ano. O atual campeão é Tony Stewart.

A outra divisão da Nascar é a Nascar Nationwide Series, que teve sua temporada inaugural em 1982. Seus carros são bastante parecidos com o da Cup, só que com potência inferior. Neste ano, Nelsinho Piquet deverá disputar algumas provas dessa categoria pela equipe Turner.

Links

www.npiquet.com
twitter.com/nelsonpiquet
www.turnermotorsportsllc.com

Fonte: RF1 Jornalismo Ltda

Programa Competição mostra a festa de premiação dos melhores de 2011 em SC





Treino livre no Velopark abre temporada 2012 no próximo dia 11

Dia será dos primeiros preparativos para a abertura da temporada

O Velopark abre suas portas para o primeiro treino livre coletivo das categorias Copa Fusca, Marcas & Pilotos e Fórmula 1.6 no próximo dia 11 de março, um domingo. Os treinos tem previsão de início para as 9 horas da manhã, se estendendo por todo o dia em treinos intercalados com as categorias participantes.

O valor é de R$ 200,00 por carro participante, e a organização prevê a disponibilidade de álcool no autódromo. No final do dia haverá um Coquetel de Lançamento da temporada 2012 da categoria Marcas & Pilotos.

A abertura do Campeonato Gaúcho das três categorias acontece no dia 26 de março, no autódromo do Velopark.

Fonte: Erlon Radl - Automobilismo Online

Kartista catarinense vai competir em Las Vegas


Para competir no SKUSA SuperNationals, principal evento do Kart norte-americano, Gustavo Dal Pizzol participará antes de grandes campeonatos no Brasil

Enquanto no automobilismo as principais categorias do Brasil e do mundo preparam-se para o inicio da temporada, no kartismo profissional alguns dos principais campeonatos já estão acelerando forte e a modalidade preparatória que revela os futuros campeões das pistas conta com um catarinense de talento, o piloto Gustavo Dal Pizzol, da cidade de Tangará (SC).

Atualmente com 15 anos de idade, Gustavo iniciou no Kart amador em 2009 e em 2010 já acelerava no estadual catarinense pela categoria Graduados, na categoria Sprinter da Copa São Paulo Light de Kart entre outros torneios. Como prova de seu já reconhecido talento, em 2011 o piloto que é patrocinado pela Mundial Textil conquistou o terceiro lugar no Catarinense e também na Copa São Paulo, que é um dos principais torneios do país, além de ter sido o campeão do GP RBC edição 2011, outro evento reconhecido nacionalmente.

Com talento e velocidade, o jovem rapaz do meio oeste catarinense ganhou ainda mais destaque ao vencer, já nesta temporada, a segunda bateria da primeira prova do ano na categoria Sprinter da Copa São Paulo Light de Kart 2012, disputada no último dia 04 de fevereiro. Após ter enfrentado problemas de motor na primeira bateria, Gustavo Dal Pizzol, que tem como “coach” Sergio Jimenez - consagrado piloto de Kart, Fórmula e Turismo com participações na GP2 e na A1GP -, largou em último na segunda prova e venceu em uma das mais competitivas categorias do certame, recebendo o reconhecimento dos demais concorrentes e equipes.

O calor era muito forte, larguei em último, mas logo na volta de apresentação já percebi que o novo motor era bom, estava realmente competitivo. Já na largada fui pra cima, passei vários concorrentes para ainda na primeira volta ser oitavo entre os vinte e um que largaram. Até eu chegar ao segundo lugar o primeiro colocado conseguiu abrir um pouco, mas virando meio segundo mais rápido que ele por volta o alcancei, ultrapassei e ainda consegui terminar mais de um segundo e meio a sua frente. Foi muito bom vencer em Interlagos, largando de último então, foi especial, uma corrida muito emocionante e receber os parabéns, o reconhecimento pela nossa capacidade vindo de vários outros pilotos e preparadores foi muito gratificante”, relatou Gustavo Dal Pizzol.

E o piloto de Tangará (SC) traça objetivos ainda maiores para esta temporada. Em 2012 Gustavo vai competir nos principais campeonatos do Brasil e também em um dos maiores eventos internacionais de kart, o SKUSA SuperNationals, principal torneio de kart dos Estados Unidos, que é disputado em Las Vegas e também um dos mais prestigiados do mundo, com atuação de pilotos de várias nacionalidades. Além do SKUSA que deverá ser disputado somente em novembro, Gustavo vai continuar competindo também na Copa São Paulo Light de Kart, no Campeonato Sul-Brasileiro e Brasileiro de Kart, na Copa Brasil, no Catarinense de Kart, no GP RBC a ser disputado em Interlagos, além da prova festiva de 500 milhas de Kart, que é realizada no kartódromo do Beto Carreiro e que conta com a presença de estrelas do automobilismo brasileiro e mundial.

Enquanto prepara-se para os principais campeonatos do país, além do SKUSA, a próxima competição da agenda cheia de corridas do kartista será a segunda etapa da Copa São Paulo Light de Kart, que acontecerá no Kartódromo de Aldeia da Serra(SP), nos dias 02 e 03 de março.

Fonte: Ponto de Fuga M.E.A.

segunda-feira, fevereiro 20, 2012

Bruno Bertoncello programa sua volta às pistas na 2ª etapa do Light, no início de março


Gaúcho sofreu deslocamente de cartilagem de uma vértebra e está quase pronto para o retorno

O gaúcho Bruno Bertoncello (Targh 400 | Floricultura Verdes e Cores | MG Pneus | Iame | GH Digital | Techspeed | Sport Wear by ULV) já está quase em forma e deverá voltas às pistas no início de março, na disputa da segunda etapa da Copa São Paulo Light. O piloto, destaque no kartismo brasileiro, se lesionou nos treinos para a abertura do mesmo Light no início deste mês em Interlagos (SP).

Bruno sofreu deslocamento de cartilagem de uma vértebra e, depois de passar pelos cuidados do Dr. Jung Ho Kim, do Instituto de Ortopedia e Traumatologia (IOT) de Passo Fundo (RS), já programou sua volta. "Estou ansioso por voltar às pistas, já que completarei um mês sem treinar ou correr", disse Bruno. "Quero fazer um agradecimento especial ao Dr. Jung pelo atendimento que recebi e que foi fundamental em minha rápida recuperação", completou.

Bertoncello é piloto da equipe Quake2 e compete com chassis da fábrica catarinense Techspeed, pela qual conquistou diversos títulos, entre eles o de campeão sul-americano da Cadete. Atualmente Bertoncello está no início de sua primeira temporada como piloto da categoria Júnior.

Texto: KG COM Assessoria de Comunicação - Erno Drehmer
Foto: Luca Bassani

sábado, fevereiro 18, 2012

Rafael Reis fez brilhante estreia na categoria Rotax Mini Max


Primeira participação foi na abertura da Copa São Paulo Granja Viana

Disputando a prova de abertura da Copa São Paulo no Kartódromo Granja Viana, o paulista Rafael Reis (ZTE | Zero X) fez uma brilhante estreia na temporada 2012 do kartismo brasileiro. Competindo pela categoria Rotax Mini Max, pela qual corria pela primeira vez, Reis fez a melhor volta da prova e finalizou em terceiro lugar.

Reis fez boa tomada de tempos e garantiu o terceiro lugar no grid de largada, abrindo a segunda fila. Porém, um toque lateral ainda na largada o fez cair para a última posição, o que gerou uma bela corrida de recuperação. Em busca de uma melhor posição, Rafael Reis marcou a volta mais rápida da prova e recebeu a bandeira final na 3ª posição.

A brilhante corrida de Rafael Reis deixou a todos dentro da equipe muito contentes e confiantes para o restante da temporada, quando o piloto paulista competirá nos principais campeonatos regionais, nacionais e internacionais. E um dos principais objetivos de participar das corridas da Rotax Mini Max é justamente preparar-se para as competições internacionais, que se iniciam no segundo semestre.

O próximo compromisso de Rafael Reis (ZTE | Zero X) será pela Copa São Paulo Light, no dia 3 de março, em Aldeia da Serra, quando ele competirá pela Super Cadete, já que daquele campeonato não participa a Rotax Mini Max.

Texto: KG COM Assessoria de Comunicação - Erno Drehmer
Foto: Maurício Villela

sexta-feira, fevereiro 17, 2012

Família Laurett no topo do pódio da Super F4 no Torneio Capixaba de Verão








No último sábado (11), o Kartódromo Internacional de Serra, no Espírito Santo, foi o palco para a edição de 2012 do Torneio Capixaba de Verão, que reuniu pilotos e equipes das categorias Mirim, Cadete, Júnior Menor, Sprinter, Master e F4.

Na categoria Super F4, os pilotos Jadson e Fabrício Laurett, pai e filho, cravaram a dobradinha em família e sagraram-se campeão e vice-campeão do Torneio.

Jadson Laurett, que acumula em seu currículo importantes títulos e conquistas, tanto no kartismo estadual, como no automobilismo, motocross e motovelocidade, venceu de ponta a ponta, de forma tranquila, as duas baterias programadas para o evento.

Já o filho, Fabrício Laurett, que em 2011, seu ano de estreia no kartismo, sagrou-se vice-campeão capixaba, não teve vida fácil no Torneio de Verão e protagonizou belas disputas com o piloto Bruno Imperial. Na soma dos resultados das duas baterias, Fabrício Laurett levou a melhor e conquistou o 2º lugar, atrás apenas de seu pai, Jadson. "Meu pai é a pessoa em quem eu me espelho. Ficar atrás dele é um orgulho", afirmou o jovem.

Para o Torneio Capixaba de Verão, Fabrício e Jadson Laurett contaram com a assistência de pista e motores do Alemão, da Alemão Competições. O próximo compromisso da dupla será a disputa do CCK 2012, o Campeonato Capixaba de Kart, que inicia em março.

Fotos: José Augusto Tovar

Kartódromo de Itu estará aberto para treinos no Carnaval


No domingo, dia 26, acontecerá a final da Copa Verão

A partir de amanhã, como já dizem todas as tradições culturais do país, o Brasil irá parar por quatro dias para dançar e festejar o carnaval. Seja com blocos nas ruas, desfiles ou atrás de trios elétricos a ordem é aproveitar ao máximo a maior festa popular do planeta.

Porém, como nem todos gostam de se entregar à folia, algumas opções tornam-se muito interessantes, principalmente para quem terá compromissos esportivos logo após a festa de Momo. Pensando nisso o Kartódromo Arena Schincariol, na cidade de Itu, optou por abrir seus portões durante todo o feriadão para que os pilotos possam se preparar para a segunda e última etapa da Copa Verão de Kart.

O evento está marcado para o domingo, dia 26 de fevereiro, e os interessados em se preparar para a competição poderão treinar tranquilamente durante os próximos dias. Mais de quarenta pilotos estiveram nas disputas da primeira rodada e, conforme os organizadores, a expectativa é de que este número seja ainda maior nesta prova final.

Parcerias oferecerão prêmios para os pilotos

Depois do sucesso da primeira rodada a diretoria do Arena Schincariol buscou o apoio de algumas empresas para oferecer diversos prêmios para os pilotos e, com isso, atrair ainda mais competidores para a etapa final.

Dentre os pilotos da categoria Cadete será sorteado um motor Honda, modelo GX-160, oferecido pela Agraupe e Stock Racing. Para os competidores da F4T o sorteio será de um motor Honda, porém, modelo GX-390, oferecido pela Agraupe e Cuca Preparações. Por fim, para os pilotos da Stock 125, será sorteado um jogo de carenagens, oferecido pela Gil Kart.

Todas as notícias do Kartódromo Arena Schincariol podem ser acompanhadas no site da pista. Lá também é possível acessar os regulamentos, adendos, calendários, resultados, classificação e todas as informações dos campeonatos. Acesse: kartodromoschincariol.com.br.

Fonte: Quick Comunicação e Marketing
Foto: Flávio Quick

Imagem do dia: João Vitor Barcelos recebe troféu de Campeão Catarinense 2011


João Vitor Barcelos, ao lado do seu pai, Fabrício Barcelos, com o troféu de Campeão Catarinense de Kart, categoria Mirim

Na última sexta-feira (10), a FAUESC (Federação de Automobilismo de Santa Catarina) realizou a festa de premiação dos campeões da temporada 2011 das categorias do automobilismo, kartismo e arrancada catarinense. O local escolhido para a premiação foi o Parque Beto Carrero.

Na ocasião, o piloto catarinense João Vitor Barcelos (F2J Comercial / Afinatto Eventos / I & M / Waf Rent a Car) recebeu seu troféu pelo título conquistado na categoria Mirim do kartismo estadual.

Parabéns, João!

Foto: Jimmi Torres / www.barulhodemotor.com

quinta-feira, fevereiro 16, 2012

João Pedro Custódio chegou animado aos Estados Unidos para seu segundo compromisso pelo FWT


Goiano ainda espera ter sua participação na Copa das Federações confirmada

Animado pela conquista da 5ª edição do Super Kart Brasil no final de janeiro, o goiano João Pedro Custódio (Pivot Máquinas Agrícolas e Sistemas de Irrigação | Ford - Navesa | AGEL - Governo de Goiás | Kart Mini | Sport Wear by ULV | Mittag Competições) está nos Estados Unidos para cumprir seu segundo compromisso pelo Florida Winter Tour.

A segunda etapa da competição, uma das mais importantes do kartismo americano, está sendo realizada em Homestead, na Flórida, e será a 98ª do currículo de João Pedro, que já contabiliza 210 largadas oficiais em sua carreira. E o objetivo do goiano será lutar por um pódio nas duas rodadas duplas que a programação prevê.

Para atingir seu objetivo, Custódio contará com o apoio da Legree Motorsports, comandada pelo brasileiro Ricardo Legree, que tem trabalhando intensamente para entregar ao goiano um motor competitivo. Todo o trabalho de pista será, como sempre, coordenado por Miguel de Oliveira, da MO Racing, preparador e equipe de João Pedro no Brasil. O piloto terá à sua disposição um novo chassi, da italiana CRG, para disputar a etapa na categoria Rotax Mini Max. Além do CRG, Custódio tem também o Tony Kart com que participou da abertura, em West Palm Beach.

"A vitória no Super Kart Brasil animou a todos, principalmente o João Pedro. Nesta quarta-feira ele treinou durante todo o dia e mostra evolução a cada entrada na pista", atesta Geovane Gonçalves, pai de João Pedro. "Homestead é uma pista para o estilo de pilotagem do João Pedro e ele está bem adaptado a seu traçado. Esperamos conquistar um pódio", completa.

Copa das Federações - João Pedro Custódio (Pivot Máquinas Agrícolas e Sistemas de Irrigação | Ford - Navesa | AGEL - Governo de Goiás | Kart Mini | Sport Wear by ULV | Mittag Competições) ainda tem esperanças de poder disputar a 1ª Copa das Federações, marcada para março no Espírito Santo.

Sua presença, no entanto, ainda não está confirmada, pois - apesar de classificado por ter finalizado a temporada 2011 em primeiro lugar na categoria Super Cadete da Copa Centro-Oeste - a Federação Goiana ainda não aceitou sua inscrição. "Ainda temos esperança de poder representar Goiás e o Centro-Oeste juntamente com os demais classificados de nossa região", finalizou Geovane Gonçalves.

Texto: KG COM Assessoria de Comunicação - Erno Drehmer

Super Kart GP está confirmado para dia 31 de março


Após uma mudança na administração do Autódromo Ayrton Senna, em Goiânia, a FAuGO - Federação Goiana de Automobilismo confirmou na manhã desta quinta-feira, dia 16 de fevereiro, a realização do Super Kart GP 2012, no sábado, 31 de março, na pista do autódromo.

Conforme divulgado anteriormente a competição seguirá os mesmos moldes do ano passado, com a realização de duas tomadas de tempos e duas corridas de 40 minutos. As equipes, que poderão ser formadas por até dois pilotos, deverão usar chassis homologados e carenagem do tipo endurance (500 Milhas).

Para dar ainda mais credibilidade ao evento, que já tornou-se tradicional no automobilismo do centro-oeste do país, os motores para a competição serão fornecidos em sistema de aluguel e sorteio pela empresa mineira RBC Preparações. Assim como nas edições anteriores os propulsores utilizados serão da marca Honda, modelo GX-390.

PRÊMIO EM DINHEIRO - A organização do Super Kart GP divulgou também que irá oferecer premiação em dinheiro para as equipes melhores classificadas. O time campeão receberá R$ 3 mil, o vice-campeão R$ 2 mil e o terceiro colocado mil reais. Estarão valendo pontos para a classificação final as atuações nas duas tomadas de tempo e nas duas corridas, que terão largada ao estilo Le Mans.

As inscrições já estão abertas e poderão ser feitas na sede da FAuGO ao valor de R$ 550,00. O horário de atendimento é das 14 às 18 hs. pelo telefone (62) 3223-3150. A promoção da prova está sob a responsabilidade de Veberlei Gonçalves, que está à disposição para todas as informações pelo e-mail: veberlei@gmail.com ou fone (62) 8527-6228.

Fonte: Quick Comunicação e Marketing
Foto: Flávio Quick

João Pedro Correa começa temporada com força total e lidera no Paulista e Copa São Paulo


Bom ano começou com ótimo desempenho na abertura do Florida Winter Tour nos Estados Unidos

Após um ano de intensas atividades e um final de temporada de estreia em uma nova categoria, o paulista João Pedro Correa (Grupo Blinder) iniciou 2012 com força total, tanto em competições nacionais quanto internacionais. E, em um curto período de tempo, já contabiliza ótimos resultados, vitórias e a liderança do Campeonato Paulista na categoria Super Cadete.

João Pedro começou o ano com ótimo desempenho competindo no kartismo americano, mais exatamente no Florida Winter Tour, que teve sua primeira etapa em West Palm Beach. Integrando a categoria Micro Max, o jovem piloto teve como ponto alto de sua participação a recuperação de 28 posições em uma das provas disputadas. Largando de 39º, o paulista terminou em 11º e está atualmente na 15ª posição entre mais de 40 competidores na tabela de pontuação do FWT.

A ótima atuação de João Pedro Correa nos Estados Unidos deu a ele muita garra para seu próximo desafio, duplo. No Kartódromo de Interlagos, em São Paulo (SP), ele disputou a abertura do Campeonato Paulista e a 5ª edição do Super Kart Brasil. Pelo Paulista Correa marcou a pole e conquistou um segundo e um primeiro lugar, resultados que lhe deram a vitória na etapa e a liderança do campeonato. As provas do Paulista valeram também pelo SKB, que ainda teria duas outras corridas. Largando de último nas duas em razão da quebra de seu motor na tomada de tempos, João Pedro fez dois sextos lugares e terminou o Super Kart Brasil como vice-campeão.

Por fim, no último sábado (11), no Kartódromo Granja Viana, João Pedro Correa (Grupo Blinder) conquistou mais uma vitória e outra liderança em um campeonato do kartismo paulista, a Copa São Paulo. Partindo da pole, Correa liderou até a 8ª volta, quando foi superado. Na última curva da última volta, no entanto, ele recuperou a liderança após esperar pelo momento certo de atacar e partiu para mais uma vitória na Super Cadete.

Agora piloto da equipe Marquinhos Competições, comandada pelo preparador Marcos Oliveira, João Pedro Correa mostra-se bastante maduro ao analisar suas atuais condições. "Estou muito contente com minha nova equipe e com os resultados que temos obtido", fala o jovem piloto. "Estamos sempre trabalhando para deixar meu kart ainda melhor e acredito que faremos um bom ano, com muitas conquistas", finaliza.

Texto: KG COM Assessoria de Comunicação - Erno Drehmer
Foto: Maurício Villela

quarta-feira, fevereiro 15, 2012

Mega Kart aumenta série de vitórias do chassi MX, agora na Granja Viana e no Espírito Santo


Mega X, antecessor do MX, também venceu na Granja Viana

O MX, novo chassi da Mega Kart lançado no mercado brasileiro no início desta temporada, continua dando muitas alegrias para a fábrica paulista. E, depois de iniciar 2012 contabilizando vitórias e títulos em Volta Redonda (RJ) e Guaratinguetá e Itu (SP), os sucessos se repetiram no último final de semana em São Paulo e no Espírito Santo.

Na abertura da tradicional e importante Copa São Paulo, no Kartódromo Granja Viana, em Cotia (SP), o novo chassi MX aumentou sua coleção de triunfos, agora sagrando-se vencedor nas categorias F4 Sênior, com Oscar Alves, e Rotax - nesta em "dobradinha" com Nelsinho Stanisci e Jorge Mortara. Além disso, a Mega Kart viu seu chassi destinado à Cadete vencer na divisão Rookie com o jovem Thiago Giaffone.

Já no Espírito Santo, onde estava sendo disputada a Copa Verão - espécie de prova preparatória para a Copa das Federações - a Mega Kart também fez dobradinha, agora na categoria F4, com Fabrício Laurett e Jadson Laurett, pai e filho.

"Estamos vivendo um início de temporada primoroso, com muitas vitórias em diversos Estados e provas e em um período de tempo muito pequeno. O MX chegou para continuar o sucesso de seu antecessor, o Mega X, mas com uma ‘fome’ ainda maior de vitórias. É um projeto que já se comprovou vitorioso e estamos extremamente orgulhosos por entregar a nossos clientes um equipamento vencedor", afirmam Waldíbio Ferraz e Marcos Ferreira, diretores da Mega Kart.

Texto: KG COM Assessoria de Comunicação - Erno Drehmer
Foto: Luiz Pinheiro

Christian Fittipaldi estreia na Fórmula Truck

Piloto foi convidado pela equipe ABF/Mercedes-Benz e substituirá Geraldo Piquet nas duas primeiras etapas da temporada 2012

O paulista Christian Fittipaldi já passou pelas principais categorias do automobilismo mundial: Fórmula 1, Indy, NASCAR, 24 Horas de Le Mans, 24 Horas de Daytona, entre muitas outras. Mas nada comparado com o novo desafio que o piloto terá em 2012.

Fittipaldi aceitou o convite da equipe ABF/Mercedes-Benz e disputará as duas primeiras etapas - Velopark (RS) no dia 4 de março e Jacarepaguá (RJ) em 1º de abril - no caminhão de número 3. Ele substituirá o brasiliense Geraldo Piquet, suspenso pela Confederação Brasileira de Automobilismo.

"Em primeiro lugar, gostaria de agradecer o convite da Mercedes e de toda a família da Fórmula Truck. Quero acelerar o meu aprendizado para tentar chegar o mais competitivo possível na 1ª etapa e fazer duas corridas sólidas", comentou o piloto, que realizou testes no Rio de Janeiro no início desta semana.

"Treinamos com o caminhão de 2011, mas vamos tentar fazer mais um teste com o caminhão novo no Rio Grande do Sul, antes da temporada começar. O Leandro Totti (piloto da equipe) esteve no Rio e me ajudou bastante. Estou bem ansioso e curioso para aprender a ‘dominar’ esses ‘monstros’", brincou o piloto.

Os testes no Rio, no entanto, não foram a primeira experiência do piloto na categoria. "Há alguns anos, dei algumas voltas num caminhão da Volkswagen e num da Ford, em Interlagos, mas não havia nenhum compromisso. Agora é diferente e estou muito contente com a chance de pilotar na categoria mais popular do Brasil", completou o piloto.

Acompanhe o piloto Christian Fittipaldi pelo twitter: @fittitweet

Texto: FGCom / Fernanda Gonçalves
Foto: Natasha Guerrize

Chassis KartMini dominam 1ª etapa da Copa São Paulo de Kart Granja Viana

A Copa São Paulo de Kart da Granja Viana, realizada no último final de semana, recebeu mais de 217 pilotos na abertura da temporada da Granja Viana. Ao todo, nove fabricantes de chassis, entre nacionais e importados, com total destaque ao domínio do fabricante líder de mercado: KartMini Riomar. Com 48% do grid nas principais categorias, os novos chassis Kart Mini, nos modelos M2 e S2, obtiveram brilhantes conquistas, poles e volta mais rápidas - demonstrando superioridade e grande capacidade de setup nas mais adversas condições climáticas.

Com total suporte de pista garantido, os chassis KartMini, da fabricante Riomar, destacou nesta primeira etapa realizada no Kartódromo da Granja Viana um time de colaboradores que realizam o trabalho de pós-venda e melhor atendimento às necessidades de setup dos pilotos e equipes.

Na categoria Fórmula 4, formada por 14 pilotos, destacamos a qualidade técnica do piloto Bruno Miloni, que obteve a terceira posição e do jovem kartista Stefano Pastore. Na categoria Executive, Munir Aboissa obteve a terceira colocação na classificação geral, um ótimo resultado frente aos 21 pilotos do grid.

Na Super Cadete, total domínio da KartMini com o pódio repleto das cores amarela/preta. Em destaque os jovens pilotos João Pedro Correa, vencedor da etapa de abertura da competição, seguido por Caio Collet e Gabriel Lopes. Outro destaque foi a vitória de Andreas Visnardi na categoria Shifter Júnior, dando um show de pilotagem.

Fernando Guzzi, premiado piloto indicado ao Capacete de Ouro 2011, estreou com chassis KartMini e conquistou a categoria Sênior | Super Sênior, seguido por Alan Synthes, campeão Brasileiro de Kart 2011, com chassi Mini. O piloto e engenheiro Ricardo Molina mandou bem e manteve a tocada constante na prova, assegurando a quarta colocação na geral. Michel Aboissa, Vicente Borges e Marcos Peli competiram com chassis Mini e realizaram uma grande prova com muitas ultrapassagens no novo chassi Mini, homologados CBA/CBK e CIK-FIA.

Na categoria Pró 500, a forte chuva marcou a prova, que contou com 27 equipes participantes. A vitória foi do chassi Mini, com a equipe MV Racing/Stop Aço. Na Shifter Kart, o piloto de fábrica Danilo Dirani conquistou a segunda posição com grande dispusta no traçado da Granja Viana.

O carioca Olin Galli mostrou a superioridade do chassi KartMini S2 e levou a vitória na categoria Graduados/Sudam, dando um show de pilotagem e grande desempenho técnico. Diante dos chassis importados, outros pilotos são destaques com os chassis Mini, entre eles o
paulista Victor Miranda e Matheus Jacques.

Na categoria Cadete a vitória foi de Caio Collet com chassi KartMini, e o jovem Paulo Coelho ficou com a segunda posição na Rookie. Na categoria Rotax Mini Max, o brilho de Caio Collet provou a boa fase do jovem piloto e levou a KartMini a conquista de mais uma vitória, seguido por Duda Naves e Rafael Reis, ambos com chassis Mini.

Ricardo Molina fechou o dia de prova com mais uma vitória com o KartMini na Rotax DD2, seguido por Fernando Guzzi, Marco Diez e Marcelo Mana. "Expressivos resultados que provam a eficiência dos novos chassis KartMini. Só deu Mini na abertura da Copa São Paulo de Kart Granja Viana", destacou o diretor técnico Mario Sergio de Carvalho.

MINI ANUNCIA CRESCIMENTO NAS VENDAS NACIONAIS

Em janeiro, a fabricante KartMini obteve forte crescimento de dois dígitos nas vendas, em relação a igual período do ano anterior em praticamente todas as principais regiões de consumo do kartismo nacional. Diante dos resultados dos anos anteriores, a homologação dos novos modelos de chassis R2 e S2 favoreceram as vendas gerais, apresentando ao mercado de consumo o alto índice de satisfação e melhor entrega de custo/benefício ao consumidor kartista que detém um produto da marca KartMini.

Os modelos mais vendidos da marca nos mercados de consumo foi o chassi KartMini R2, que ressalta valores técnicos e expressam a linguagem inconfundível da perfeição em design e do máximo em otimização aerodinâmica. O modelo de chassi R2 foi o segundo modelo mais vendido, enquanto que o M2/2012 veio em seguida.

"Este foi nosso melhor mês de janeiro em vendas nacionais nos últimos anos, e estamos particularmente satisfeitos em ver o bom desempenho dos novos chassis homologados CIK-FIA nas competições nacionais. Esperamos que esse impulso continue com o sucesso do S2 e o apoio a novos pilotos", afirmou Fabio dos Santos, executivo de vendas da KartMini Riomar.

Para detalhes adicionais sobre a marca KartMini Riomar, acesse http://www.kartmini.com.br/ ou faça o contato pelo telefone (55 11) 5522-0266. Visite nossa comunidade no Facebook, através do endereço: http://www.facebook.com/kartmini

Fonte: Imprensa KartMini Riomar
Foto: Mauricio Villela
Estatística: KartMini Riomar